Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

7 desafios da cadeia de suprimentos e como superá-los

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

March 23, 2023

March 23, 2023

March 23, 2023

Os desafios da cadeia de suprimentos envolvem questões como problemas para integrar equipes de diferentes setores, aprimoramento da logística, alinhamento com fornecedores, entre outros pontos relacionados.

Quanto a isso, não se pode esquecer de que uma boa gestão da cadeia de suprimentos é fundamental para transpor os diferentes obstáculos que comumente existem nessa rede e em suas variadas etapas, os quais vão desde a entrada de insumos até a entrega de mercadorias para os clientes finais.

Por isso, cabe aos gestores conhecer os principais problemas da cadeia de suprimentos, a fim de encontrarem meios de melhorar a supply chain dos seus negócios e, consequentemente, aprimorar as operações e aumentar a lucratividade da companhia.

Mas por que isso é tão importante? Quais as consequências de uma má gestão da cadeia de suprimentos? Alguns dos principais reflexos que podemos citar são o impacto negativo no relacionamento com o cliente e a perda de faturamento.

Uma das razões pelas quais isso acontece é porque, se a empresa não recebe os insumos necessários para produzir os produtos que comercializa, ela não consegue suprir as necessidades dos seus consumidores.

Isso, por sua vez, eleva o nível de insatisfação do público-alvo e pode, inclusive, contribuir para migrar para um concorrente da marca. 

Por conta disso, adotar ações para superar os desafios da cadeia de suprimentos é primordial para evitar problemas como esses e promover o bom andamento dos processos da empresa.

Confira agora, neste artigo, as principais dificuldades da cadeia de suprimentos e o que você pode fazer para superá-las.

Quais são os desafios da cadeia de suprimentos?

É certo que cada companhia tem suas particularidades quando o assunto são problemas na gestão da cadeia de suprimentos, e essa diferenciação está diretamente relacionada ao porte, ramo de atuação, público alvo, e outros critérios que caracterizam um negócio. 

Ainda assim, é possível identificar alguns pontos em comum tidos como obstáculos a serem superados para aprimoramento da supply chain das empresas, que são:

  • integração das equipes de diferentes setores;

  • dificuldade com o monitoramento de resultados;

  • distribuição e transporte de insumos e produtos;

  • administração do estoque da companhia;

  • formação de parceria com fornecedores comprometidos;

  • ausência de uma base de fornecedores compartilhada.

Integração das equipes de diferentes setores

A cadeia de suprimentos é composta por uma série de etapas que abrangem desde a compra de insumos até o envio dos produtos prontos para os clientes finais. Por isso, a integração das equipes é um dos desafios da cadeia de suprimentos. 

Nesse sentido, é necessário um grande esforço para garantir que a gestão logística se integre ao setor de estoques e que esse esteja ligado com o setor de compras, criando uma cadeia de atividades. 

E claro, esses setores também devem conversar com outras áreas, tais como administrativa, contabilidade e financeiro para garantir uma maior eficiência no trabalho.

Comumente, esse desafio se deve principalmente à falta de uma comunicação eficiente entre os setores.

Para ajudar com essa dificuldade estão soluções tecnológicas como os softwares de gestão, que contribuem para que diferentes áreas acessem rapidamente resultados e necessidades umas das outras, promovendo uma comunicação mais eficiente e focada.

Dificuldade com o monitoramento de resultados

O monitoramento dos resultados é outro problema na cadeia de suprimentos, mas que também pode ser resolvido com a adoção de boas práticas.

Apesar de ser essencial para os negócios, por oferecer relevantes insights em momentos de decisão, medir os resultados nem sempre é uma tarefa fácil ou prioritária dentro de uma companhia.

Como mensurar, por exemplo, o impacto que um atraso na entrega de uma matéria-prima pode ter no recebimento para o consumidor final? 

Para que você tenha uma melhor compreensão do que está acontecendo na cadeia de suprimentos da sua empresa, é importante olhar para as métricas existentes e quais medições adicionais podem ajudar na realização de uma análise mais precisa.

Ferramentas que permitam monitorar de forma centralizada toda a operação, como a quantidade de mercadorias estocadas, previsões de entrada e saída, localização no estoque e outras informações que agilizem as atividades, contribuem para os gestores resolverem essa adversidade.

Complexidade da cadeia de suprimentos

O mercado globalizado tornou a cadeia de suprimentos mais complexa. Se antes a supply chain seguia uma linha reta entre dois pontos, agora ela conta com diferentes fatores de impacto e ramificações

Administrar esse ciclo e manter todos os elos em conformidade com as demandas não é fácil, já que grande parte das empresas encontra dificuldades no mapeamento de processos, no alinhamento de atividades e na proteção dessas ações para evitar problemas que possam afetar seus fluxos.

Nesse sentido, a tecnologia é uma das principais responsáveis por assegurar uma visão sistêmica da cadeia por meio de um mapeamento de todos os processos, apontando quais são os pontos essenciais de cada etapa e eliminando boa parte dessa complexidade.

Distribuição e transporte de insumos e produtos

É impossível falar sobre os desafios na cadeia de suprimentos sem abordar os relacionados ao transporte e distribuição de produtos. 

Não apenas uma das etapas que consome grande parte dos recursos de uma empresa, esse ponto também costuma ser de alta complexidade e dependente de uma gestão estratégica.

Um dos desafios ao falar da distribuição e transporte são as dificuldades que não estão diretamente relacionadas com os transportadores, como as várias estradas precárias no País, que são o principal meio de envio de mercadorias. Por isso, as decisões de distribuição devem ser estratégicas e baseadas em dados. 

Realizar várias tentativas de entrega é obviamente mais custoso, de forma que os itinerários de entrega devem considerar distância, melhores percursos entre endereços e, preferencialmente, disponibilizar entrega agendada.

Esse tipo de recurso minimiza a possibilidade de problemas na entrega, uma das condições que a torna essa operação mais onerosa à empresa.

Administração do estoque da companhia

Quando pensamos em quais áreas são mais relevantes no aprimoramento da cadeia de suprimentos, um dos primeiros que surge à mente é o estoque, por ser um dos ambientes mais significativos desse ciclo. 

Erros no equilíbrio desse departamento podem, por exemplo, impactar diretamente o fluxo de produção e os custos da cadeia de suprimentos de um negócio — seja no armazenamento desses produtos, no desperdício de mercadorias com um curto período de uso, ou na compra duplicada de insumos.

É praticamente impossível administrar bem o estoque sem levantar todos os insumos armazenados e processos rígidos de entrada e de saída de matéria-prima.

Duas tecnologias que podem colaborar com a coleta de todos esses dados são a Inteligência Artificial (IA) e a Internet das Coisas (IoT)

A IA ajuda a empresa a coletar e processar um enorme volume de dados, gerando intuições úteis, tais como na reposição de estoque de matérias-primas e ajustes que podem ser feitos na variedade de produtos oferecidos aos compradores.

Já quando falamos da Internet das Coisas, estamos citando objetos físicos que estão interconectados digitalmente por meio da internet, conseguindo reunir e transmitir dados.

Com as etiquetas inteligentes com a tecnologia RFID (Radio Frequency Identification), por exemplo, você sabe a localização, a data de compra e outros dados importantes.

No vídeo abaixo você pode conferir uma explicação completa sobre o que é a Internet das Coisas:

https://youtu.be/O8-oiSsZl1Y

Formação de parceria com fornecedores comprometidos

Os fornecedores aparecem logo no início da cadeia de suprimentos e, por isso, são um dos elementos mais relevantes dessa sequência.

Com a ajuda deles, sua empresa pode chegar muito mais longe, enquanto que, com a falta de empenho por parte dos fornecedores na parceria, seu negócio pode sofrer grandes impactos.

Portanto, é essencial que sua companhia leve essa parceria a sério desde o início, ou seja, começando no processo de homologação de fornecedores

É nessa primeira etapa que você saberá se uma empresa está apta a se tornar uma fornecedora contratada e se ela conseguirá atender suas demandas sem prejudicar seu negócio financeira ou reputacionalmente.

Por isso, essa área não só pode, como deve receber investimentos para aprimorar esse processo que, ao final, só trará ganhos ao seu negócio. 

Um dos investimentos possíveis é o uso de softwares que conseguem automatizar esse processo, como o sistema da Linkana, que oferece soluções simplificadas de qualificação de fornecedores, com consulta e análise automática de documentos públicos e um portal interativo para coleta e processamento de dados privados. 

Também é recomendado que a parceria esteja sob constante monitoramento e contato para evitar riscos de inconsistências durante a execução do contrato, desde o acompanhamento da entrega dessas mercadorias até as documentações e certidões desse parceiro.

Ausência de uma base de fornecedores compartilhada

Mas para chegar à contratação de fornecedores realmente comprometidos é preciso, primeiro, encontrar quais têm essa característica e estão aptos para atender às necessidades da cadeia de suprimentos do seu negócio, concorda?

Um dos principais desafios nesse cenário — e também a maior falha de procurement existente no momento — é a ausência de uma base de fornecedores compartilhada.

Não ter acesso a uma fundação de dados de fornecedores compartilhada impede a identificação rápida e com qualidade de empresas fornecedoras capazes de atender sua companhia.

Com isso, a busca e descoberta por novos fornecedores também é negativamente impactada. 

Dessa forma, esse trajeto se torna muito mais longo e demorado, gerando excesso de trabalho para o time de compras e procurement, bem como retrabalho para os fornecedores, que precisam preencher diversos cadastros cada vez que se candidatam para fazer parte da rede de abastecimento de uma organização.

Por outro lado, utilizar uma base de fornecedores compartilhada, como a oferecida pela Linkana, traz uma série de vantagens para a gestão da sua cadeia de suprimentos, tais como:

  • redução da burocracia na busca por fornecedores, visto que você terá acesso a cadastros devidamente preenchidos;

  • realização de processos de onboarding em menos tempo;

  • diminuição de atritos e ruídos na troca de informações com os fornecedores;

  • aumento da produtividade dos profissionais de compras e procurement;

  • acesso facilitado, rápido e centralizado a informações públicas e dados atualizados automaticamente;

Leia o artigo: "Linkana Network: O que é + 3 formas de utilizar" e confira, em detalhes, como funciona a primeira solução de fundação de dados de fornecedores do Brasil, rede que unifica dados compartilhados dos fornecedores desenvolvida e oferecida pela Linkana!

Quais as consequências de uma má gestão da cadeia de suprimentos?

Não gerenciar a cadeia de suprimentos adequadamente traz uma série de consequências negativas para o dia a dia e para o futuro de um negócio.

Entre os principais efeitos que atingem diretamente o crescimento da empresa estão:

  • aumento de custos operacionais;

  • perda de produtividade;

  • comprometimento do relacionamento com os clientes;

  • perda de clientes para os concorrentes;

  • queda no faturamento por produtos não entregues e vendas não realizadas;

7 ações para superar os desafios da cadeia de suprimentos

Mas assim como dissemos logo na abertura deste artigo, existem diversas ações para superar os problemas da cadeia de suprimentos que podem ser adotadas em favor da companhia.

Algumas das que compõem essa lista são:

  • mapear todos os processos de supply chain da empresa, a fim de identificar gargalos e resolvê-los o mais brevemente possível;

  • promover, incentivar e facilitar a troca de informações contínua entre os agentes que formam essa cadeia;

  • facilitar a atuação dos profissionais de compras e procurement, por meio da entrega de ferramentas que otimizem suas tarefas diárias;

  • monitorar os KPIs de compras para identificar quais práticas estão dando certo e quais requerem ajustes;

  • alinhar estoque e setor de compras antes de realizar novas aquisições;

  • uso de boas soluções tecnológicas.

Como a Linkana ajuda a resolver problemas na cadeia de suprimentos?

Agora que você já sabe quais são os principais problemas da cadeia de suprimentos e como superá-los, que tal continuar aperfeiçoando seu aprendizado com o artigo Gerente de Supply Chain: 6 dicas para evoluir na função?

E para trazer mais tecnologia para a sua empresa resolver problemas na cadeia de suprimentos, no que se refere à gestão de fornecedores, conte com a Linkana!

A Linkana é a primeira fundação de dados de fornecedores compartilhada do Brasil. Nossa base de dados de perfis universais de fornecedores permite que compradores busquem, analisem e homologuem fornecedores em alguns cliques. 

Com isso, aceleramos radicalmente processos de onboarding, análise e monitoramento de fornecedores, utilizando dados e insights compartilhados entre as maiores corporações do Brasil.

As funcionalidades que você encontra nesta solução são:

No que se refere aos nossos diferenciais, em comparação a outras soluções de gestão de fornecedores disponíveis no mercado, estão:

  • PERFIL UNIVERSAL DO FORNECEDOR → Com os perfis de fornecedores compartilhados da Linkana, dados e documentos de fornecedores são reaproveitados em rede, compartilhando informações atualizadas entre múltiplos compradores e acelerando processos de forma automatizada e sem burocracia.

  • MELHORES INSIGHTS → Nossos scores, ratings e certificações proprietários são construídos e compartilhados com a inteligência das maiores corporações do Brasil, garantindo aderência às melhores práticas e exigências de mercado.

  • PLUG N' PLAY →  Conecte seu sistema legado, ERP ou e-procurement com nossa fundação de dados de fornecedores, tornando-a sua fonte única de verdade, dinâmica e 100% integrada em questão de minutos.

Preencha agora mesmo o formulário abaixo e tenha todas as funcionalidades da Linkana na sua empresa!

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market