Logística empresarial: saiba o que é, como funciona e veja dicas para otimizar a sua!

A logística empresarial possui um peso significativo no orçamento das empresas. Se há algum gargalo ou falha no processo, a companhia pode ter prejuízos e muitos clientes insatisfeitos.

Afinal, ela é responsável pelo armazenamento, pelas compras de insumos e materiais, pelo transporte e pela entrega das mercadorias, entre outras atividades. 

Aliada à cadeia de suprimentos (supply chain) de uma organização, a logística empresarial precisa ser bem-estruturada para manter o diferencial competitivo da empresa no mercado.

Entenda melhor o que é logística empresarial, quais são seus objetivos e veja ainda dicas para aprimorá-la no seu negócio, seja ele físico ou virtual.

O que é logística empresarial?

Em resumo, o conceito de logística empresarial atua em quatro pilares: aquisição, movimentação, armazenamento e entrega de bens e produtos.

Para compreender melhor, veja algumas atividades realizadas por essa área da administração:

  • planejamento, implementação e coordenação do fluxo de produção;
  • aquisição e armazenamento de materiais e insumos;
  • gerenciamento de estoque de produtos acabados;
  • transporte e distribuição de mercadorias de fornecedores até a empresa e da empresa aos clientes;
  • monitoramento de inventários;
  • gestão estratégica de informações do supply chain.

Isto é, a logística empresarial garante que toda a cadeia de suprimentos seja eficiente e atenda aos requisitos do cliente desde o ponto de origem até o de consumo final.

Nascida durante a Segunda Guerra Mundial, quando os soldados precisaram adequar processos para que as armas e os suprimentos fossem entregues durante a batalha, a logística tornou-se peça fundamental para a empresa se manter competitiva no mercado.

Não há como uma organização ter sucesso se ela não tiver uma logística estratégica que atenda suas demandas internas e externas.

Qual o objetivo da logística empresarial?

Depois de entender o conceito de logística empresarial, chegou a hora de compreender seus principais objetivos e benefícios para o negócio.

A principal finalidade é garantir maior eficiência operacional, com redução de custos para a empresa e uma entrega de qualidade ao consumidor final.

Como? Assegurando que as mercadorias estejam disponíveis no lugar correto e na hora certa, atendendo aos critérios de qualidade pré-estabelecidos.

Quando os processos estão alinhados à estratégia corporativa, a logística consegue gerar ainda mais valor aos produtos ou aos serviços oferecidos. Afinal, quanto mais rápido e eficiente for o atendimento ao cliente, maior será o sucesso da marca no setor de atuação.

Logo, quando se pensa em uma organização maior e com procedimentos mais complexos, percebe-se que a eficiência da coordenação da cadeia de suprimentos, da produção contínua e da distribuição para o cliente final ou redes varejistas garante o sucesso ou o fracasso de uma companhia.

Como otimizar a logística empresarial?

Com o aumento de compras online, o consumidor brasileiro está cada vez mais exigente em relação ao prazo de entrega de seus produtos ou à realização de serviços. Por isso, quem não se adequar à nova realidade, pode perder espaço para a concorrência.

Mas, afinal, como otimizar esse sistema na sua empresa? Veja abaixo nossas dicas!

Gerencie o supply chain com excelência

Só é possível garantir uma logística empresarial eficiente se a cadeia de suprimentos estiver operando corretamente.

O supply chain reúne processos que envolvem todas as etapas de um pedido, como fabricantes, fornecedores, distribuidores, comerciantes e clientes. 

Entenda melhor sobre esse assunto: 6 desafios da cadeia de suprimentos e como melhorar a supply chain da sua empresa

Integre informações de fornecedores

Otimizar processos significa integrar todos os dados e as informações de toda a cadeia de suprimentos e da logística. Por isso, é essencial que a organização esteja alinhada com os seus fornecedores.

Para melhorar ainda mais essa atividade, use a tecnologia a seu favor. O software de gestão de fornecedores padroniza processos de solicitação e reduz riscos ao escolher alguma empresa que não esteja alinhada aos valores organizacionais.

Dessa forma evita-se o atraso no pedido e na entrega de todo o fluxo de fornecimento. E ainda garante a qualidade necessária para a produção do produto ou serviço final.

Continue aprendendo: Gestão de fornecedores: o guia completo dos principais motivos para se fazer, ferramentas e benefícios práticos (ROI)

Melhore a gestão do estoque

Esse ponto é crucial para manter uma logística empresarial de qualidade. Afinal, se a gestão do seu estoque for boa, não haverá ociosidade de colaboradores e nem atraso de entrega ao cliente.

O planejamento de compras e de recebimento de produtos precisam ser prioridade. Sem materiais e insumos a empresa não conseguirá atender sua demanda.

Saiba escolher a transportadora ideal

Antes de optar por terceirizar o transporte dos seus produtos, faça os cálculos e veja o que é mais vantajoso financeiramente: ter frota própria ou contratar uma?

Deve-se levar em conta muitos fatores para escolher a transportadora certa. Afinal, esse serviço impacta diretamente o lucro do seu negócio. Por isso, pesquise, analise e peça referências.

Mantenha-se informado

As inovações tecnológicas estão mudando a logística e para a melhor! Por isso, é fundamental que gestores e analistas da área acompanhem tendências e notícias nacionais e internacionais.

Atualmente, é possível acompanhar cada etapa dos processos em tempo real, reunindo dados e estatísticas que potencializam a tomada de decisões corporativas.

Imagina só assistir ao vivo toda a produção do seu pedido? Ou do trabalho da sua equipe? E se os drones realmente começarem a fazer mais entregas aos clientes? Como isso tudo pode impactar na redução de custos operacionais? 

A logística empresarial deve ser prioridade na gestão estratégica da sua companhia. Por demandar tempo de planejamento e organização e ainda possuir um custo elevado, o ideal é que você tenha uma equipe com profissionais qualificados e use meios tecnológicos para simplificar os processos.

Não se esqueça:

  • invista em tecnologia para se antecipar a possíveis problemas e atrasos;
  • desenhe o fluxo de compras para entender o que precisa ser aprimorado;
  • realize a integração das áreas que estão envolvidas em todo o processo de logística;
  • monitore, avalie e faça as mudanças necessárias para otimizar cada vez mais a sua logística empresarial;

Quer mais ajuda para analisar e gerir fornecedores de maneira correta? Saiba agora como otimizar sua gestão de fornecedores preenchendo o formulário abaixo:

Leo Cavalcanti

Leo Cavalcanti

Advogado, especialista em Planejamento Tributário e Finanças, soma mais de 05 anos de experiência com rotinas de auditoria empresarial e tributária, além de conhecimento em controladoria e práticas de departamento jurídico corporativo. Atualmente é CEO e um dos co-fundadores da Linkana.