Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Quais são os tipos de fornecedores? Conheça a classificação!

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

April 14, 2023

April 14, 2023

April 14, 2023

Os tipos de fornecedores podem ser definidos como conjuntos de empresas fornecedoras com características semelhantes, condição essa que permite classificá-las e inseri-las em um mesmo grupo de provedores.

Mas, por que saber disso é importante? Bem, podemos começar lembrando que a meta de todo negócio é oferecer produtos e/ou serviços de qualidade para os clientes, a fim de conquistar espaço no mercado de atuação e, consequentemente, boa lucratividade.

Porém, para alcançar esse objetivo, é preciso bastante organização no processo produtivo, indo desde a aquisição de matéria-prima até o transporte e entrega para o cliente final. 

Os diferentes perfis de fornecedores fazem parte desse trajeto e, para ajudar a companhia contratante a alcançar bons resultados, devem atender sua política de compras.

"Isso quer dizer que a gestão de fornecedores envolve, além de outros pontos, lidar com diferentes modelos empresariais e monitorar pedidos de acordo com a necessidade de abastecimento?" Exatamente!

Toda companhia tem suas particularidades em relação ao que e quando precisa de determinados itens para funcionar. Dessa forma, é preciso saber a importância de cada insumo na cadeia produtiva e encontrar boas empresas que forneçam cada um desses produtos e/ou serviços.

Sobre isso, vale destacar também que o setor de compras tem papel essencial no estudo de quais fornecedores a companhia precisa, bem como de encontrá-los e desenvolver um bom relacionamento.

Assim, para saber quais tipos de fornecedores sua empresa precisa, o primeiro passo é conhecer cada um deles. 

Neste artigo, você descobrirá quais são esses perfis, como classificar as empresas fornecedoras que têm potencial para atender seu negócio e de que maneira montar uma estratégia de compra eficiente.

Por isso, continue a leitura e confira tudo sobre esse tema!

O que é um fornecedor?

O artigo terceiro do Código de Defesa do Consumidor, sancionado pela Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990, define que um fornecedor é quem desenvolve atividades relacionadas à produção, distribuição, comercialização, criação, construção, transformação, montagem, importação ou exportação de produtos e/ou serviços.

Além disso, os fornecedores podem ser pessoas físicas, jurídicas ou privadas, públicas, tanto nacionais quanto estrangeiras. 

Ou seja, é uma empresa externa com a qual um negócio pode estabelecer uma relação comercial contínua ou pontual para atender suas demandas.

Na dinâmica atual do mercado, as companhias trocam serviços entre si, já que é impossível um negócio ser autossuficiente em todas as áreas.

Então, é comum ver organizações terceirizando serviços como contabilidade, limpeza, compra de matéria-prima, serviços de transporte de carga, entre vários outros.

Essa relação com os fornecedores deve seguir critérios estabelecidos pelas empresas para que os padrões de qualidade que ela se propõe a oferecer sejam realmente percebidos pelos consumidores.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Quais são os 3 tipos de fornecedores?

Os três tipos de fornecedores com os quais diferentes mercados trabalham são:

  • monopolistas;

  • habituais;

  • especiais.

Conhecê-los é fundamental para uma análise mais precisa e pontual sobre qual desses grupos sua empresa precisa. Isso também contribui para organizar uma lista de empresas fornecedoras mais pontual e segura, de acordo com essa classificação.

Monopolistas

Os fornecedores monopolistas são aqueles que vendem produtos exclusivos e não têm concorrentes, ou têm poucos e com menos oferta de soluções. 

Essa característica dá a essas empresas fornecedoras um controle maior do preço, definindo sua margem de acordo com suas intenções de lucro.

Por isso, se posicionam como fornecedores com alto valor agregado, o que aumenta o poder de barganha com os clientes que precisam de seus produtos e/ou serviços.

Como estão em um mercado específico, no qual é difícil encontrar várias empresas que forneçam as mesmas soluções, essa relação comercial gera uma certa dependência

Por essa razão, é fundamental manter uma pesquisa constante para tentar encontrar e ter, pelo menos, mais um ou dois fornecedores desse tipo.

Habituais

Já os fornecedores tradicionais são aqueles que comercializam produtos e insumos básicos de produção e que atendem a vários tipos de empresas.

Como é possível imaginar, a concorrência entre essas companhias é maior, pois existem mais opções disponíveis no mercado. Isso permite que os contratantes façam cotações com diferentes fornecedores e consigam negociar preços e prazos com mais liberdade.

Com esse tipo de fornecedor, o poder de barganha está com os clientes, que podem manter listas com vários contatos que atendem as estratégias de abastecimento de cada área e, assim, fechar compras mais vantajosas.

Especiais

Por último, os fornecedores especiais ou ocasionais são aqueles que atendem demandas pontuais ou raras que precisam ser supridas em um determinado momento.

Um exemplo são as empresas automobilísticas e as metalúrgicas, que precisam de matéria-prima bruta como metais raros usados na fabricação de peças ou carros. Outro exemplo são os restaurantes de comidas típicas ou que servem alimentos de regiões específicas.

Ou seja, são insumos que não são encontrados com os fornecedores habituais e, por isso, exigem que o setor de compras se empenhe bastante na pesquisa para encontrá-los ou conseguir indicações.

Dica! Baixe agora mesmo o nosso e-book gratuito sobre "Gestão de fornecedores" e confira como estruturar um bom processo de gerenciamento e outras questões sobre esse assunto!

Como organizar a solicitação de compras? 

Dependendo do nicho de mercado da sua empresa, seu time de compras e procurement lidará com tipos de fornecedores diferentes rotineiramente. 

Para que o monitoramento das empresas fornecedoras e pedidos de aquisição deem certo e evite o desabastecimento, é fundamental organizar corretamente a solicitação de compras. 

Os principais passos a serem adotados para manter um processo de abastecimento eficiente na sua empresa são:

  1. selecione os critérios para seleção de fornecedores;

  2. mantenha um robusto cadastro de fornecedores;

  3. faça a avaliação dos fornecedores;

  4. saiba como cada fornecedor trabalha;

  5. elabore um cronograma de entrega e pagamento;

  6. trabalhe apenas com fornecedores confiáveis.


Selecione os critérios para seleção de fornecedores

Estabelecer critérios de seleção de fornecedores é válido para todos os tipos de fornecedores, especialmente para os habituais, um grupo com inúmeras opções. 

As regras orientarão a equipe de compras na hora de verificar se o fornecedor é uma empresa confiável, legalizada e se realmente oferece aquilo que vende. 

Confira no artigo "Critérios de seleção de fornecedores: 10 pontos essenciais" o que deve estar na sua lista de parâmetros.

Mantenha um robusto cadastro de fornecedores

Para ganhar tempo na hora de contratar diferentes grupos de fornecedores, mantenha um cadastro atualizado de empresas homologadas e qualificadas com as quais já foram fechados negócios. 

Um software de gestão de fornecedores é bastante útil nessa hora, pois automatiza esse processo e elimina o trabalho manual.

Faça a avaliação dos fornecedores

Encontrar entre os tipos de fornecedores aqueles que prestam o melhor serviço e entregam qualidade é uma informação que sua empresa não quer perder. Então, mantenha junto ao cadastro anotações com detalhes relevantes e a avaliação para serem relembrados a cada contrato.

Saiba como cada fornecedor trabalha

A periodicidade dos pedidos da sua empresa deve bater com a frequência de entrega do fornecedor. Por isso, conhecer como cada um trabalha, sua logística de entrega, medidas emergenciais e outros fatores relacionados é essencial para garantir que sua empresa seja abastecida no momento certo.

Elabore um cronograma de entrega e pagamento

Elaborar um cronograma de entrega é uma solução simples que ajuda a garantir que cada um dos fornecedores que sua empresa precisa seja contatado no prazo adequado para a continuidade do fluxo produtivo do seu negócio.

Essa prática também facilita a negociação de outros detalhes como preço, formas e prazos de pagamento.

Aproveite e leia também "Matriz de Kraljic: o que é, função e como aplicar nas compras"

Trabalhe apenas com fornecedores confiáveis

Os diversos tipos de fornecedores exigem que as empresas se organizem para lidar com cada segmento de forma eficiente. 

Diante de um grande volume de contatos, é essencial contar com ferramentas que ajudem na consulta de dados e homologação desses parceiros.

A Linkana, por exemplo, dá suporte para essa operação por meio de tecnologias inteligentes para combater a burocracia e aumentar a eficiência na gestão dos seus fornecedores.

Como a Linkana ajuda a aprimorar a gestão de fornecedores da sua empresa?

Linkana é o SRM do futuro. Economize tempo na homologação de fornecedores automatizando e integrando aprovações de maneira simples e rápida.

Portais e sistemas legados de fornecedores tornam as suas decisões em compras ineficientes e inseguras. Substitua cadastros e dados obsoletos e conheça a solução moderna de SRM que está definindo o novo padrão de qualidade para softwares de Procurement.

Para levar tudo isso para o dia a dia da sua empresa, preencha agora mesmo o formulário abaixo e converse com um dos nossos especialistas!

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market