Tecnologias da Indústria 4.0: 10 que estão revolucionando esse setor

Para falarmos sobre as tecnologias da Indústria 4.0 precisamos, primeiro, explicar o que contempla esse conceito.

A Indústria 4.0, que também é chamada de Quarta Revolução Industrial, consiste na automatização dos processos desse segmento por meio da utilização de diferentes tecnologias.

Essa evolução tem por objetivo promover a digitalização das atividades, a automação, permitir e aprimorar a troca de dados, e contribuir para a escalabilidade dos negócios.

O uso de diferentes tecnologias da Indústria 4.0 gera um significativo aumento na produtividade das empresas. Um dos motivos é que recursos desse tipo aumentam a eficiência dos processos, permitindo que eles sejam feitos de forma mais eficaz e em menos tempo.

A era da Indústria 4.0 pode ser vista como uma evolução natural, decorrente da chegada de novas soluções tecnológicas que, praticamente, se tornaram essenciais para a continuidade das atividades empresariais.

Nesse cenário, benefícios como redução de custos, otimização das atividades, mitigação de erros e aumento da capacidade produtiva puderam ser vistas.

Mas quais seriam as tecnologias que estão ajudando as empresas desse segmento a alcançarem esses resultados? É justamente a resposta para essa pergunta que daremos agora, neste artigo. Por isso, siga a leitura e confira!

Quais são as tecnologias da Indústria 4.0?

As principais tecnologias da Indústria 4.0 são:

  • Inteligência Artificial;

  • Computação em nuvem;

  • Big Data e Analytics;

  • Cyber Security;

  • Internet das Coisas;

  • Robótica Avançada;

  • Manufatura Aditiva;

  • Integração de Sistemas;

  • Sistemas de simulação;

  • Digitalização.

Inteligência Artificial

Por meio da Inteligência Artificial (IA) máquinas e robôs se tornam capazes de reproduzir habilidades humanas e, com isso, tomam decisões de forma mais precisa.

A base desse aprendizado inclui conceitos, como redes neurais e algoritmos, que aplicam e simulam o raciocínio e a inteligência em diferentes equipamentos.

Dentro do conceito de Inteligência Artificial estão inclusas soluções como:

  • Deep Learning: modelo de aprendizado de máquina mais profundo;

  • Processamento de Linguagem Natural (PLN): solução que permite a reprodução de processos semelhantes à linguagem humana.

Não deixe de ler este artigo: “Inteligência Artificial na gestão de fornecedores: O que é e como aplicar

Computação em nuvem

A computação em nuvem, ou cloud computing, consiste na geração e armazenamento de dados em um ambiente online, os quais são acessados e utilizados por meio de conexão via internet.

De forma prática, consiste em servidores compartilhados, disponibilizados por uma empresa terceirizada, a qual é a responsável por toda a gestão, manutenção e infraestrutura desse serviço.

Além de permitir um armazenamento muito maior de dados, o cloud computing também ajuda na redução dos custos operacionais. 

Isso acontece porque é pago somente o serviço utilizando, dispensando a preocupação e direcionamento de recursos para manutenção, backups e outras atividades relacionadas.

Entre os tipos de computação em nuvem existentes estão:

  • nuvem privada: ecossistema virtual utilizado por uma única organização;

  • nuvem pública: ecossistema virtual compartilhado entre várias organizações;

  • nuvem híbrida: ecossistema virtual formado pela mescla dos dois tipos de nuvens anteriores.

Big Data e Analytics

Entre as tecnologias da Indústria 4.0, a Big Data permite a captação e o armazenamento de um grande volume de dados. A partir disso, recursos de Analytics organizam esses dados e contribuem para uma análise mais apurada.

Quanto a isso, vale destacar que tomadas de decisão baseadas em dados contribuem para a obtenção de resultados muito mais significativos, pois têm um embasamento mais concreto, livre de achismos e suposições e, por isso, com menos chances de falhas.

Cyber Security

Esse recurso tecnológico protege as empresas de invasão aos seus sistemas, furtos cibernéticos, vazamento de dados, fraudes online, ataque de hackers e muitos outros transtornos relacionados à segurança cibernética.

Internet das Coisas

A Internet das Coisas, representada pela sigla IoT, consiste na conexão de objetos físicos à internet. Com ela, é possível promover uma hiperconectividade que gera, coleta, armazena e analisa dados e informações instantaneamente.

Na indústria, esse recurso permite, por exemplo, acompanhar processos em tempo real e os resultados que estão sendo gerados com eles.

Robótica Avançada

Máquinas que, parcial ou totalmente, funcionam de forma autônoma. A robótica avançada permite que esses equipamentos interajam fisicamente com o ambiente no qual estão inseridos e com as pessoas

Uma das características desses robôs é conseguir mudar seu comportamento com base em dados de sensores, que entrega a eles novas informações e ordens.

Manufatura Aditiva

A manufatura aditiva consiste no uso de impressoras 3D para criar peças (protótipos) em menos tempo e gerando menos custos.

Entre as vantagens desse recurso está a possibilidade de reduzir gastos com testes, e a de diminuir o desperdício de materiais que precisam ser usados para o mesmo fim.

Integração de Sistemas

Por meio da tecnologia é possível integrar diferentes sistemas que são utilizados em uma empresa. A ideia aqui é promover uma troca de informações entre as soluções, de modo que mais dados possam ser gerados para contribuir com as tomadas de decisão.

Por exemplo, no que se refere à gestão de fornecedores, sistemas como Linkana + SAP, Linkana + Coupa ou Linkana + ME potencializam o gerenciamento desse setor, tornando-o mais eficaz e otimizado.

eBook
Gestão de Fornecedores

Aprenda como fazer uma gestão de fornecedores inteligente e guiada por dados na sua empresa.

Sistemas de simulação

Como o próprio nome sugere, os sistemas de simulação permitem imitar processos realizados no mundo real, o que permite identificar potenciais falhas.

Esse recurso cria modelos digitais que executam ou descrevem atividades, contribuindo para ajustes antes que sejam colocadas em prática.

Digitalização

Das tecnologias da Indústria 4.0, a digitalização é a que contempla uma série de recursos. A ideia é transformar as atividades manuais em tarefas automatizadas. Esse conceito pode ser empregado tanto na parte administrativa quanto na operacional de um negócio.

Por exemplo, o processo de homologação de fornecedores deixa de ser feito manualmente e passa a ser realizado por meio de um sistema próprio para esse fim, como é o caso do Linkana, que é o primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede.

Como se adequar à cadeia de suprimentos 4.0?

A cadeia de suprimentos 4.0, assim como o conceito de procurement 4.0 e de compras 4.0 consiste na evolução desses setores, os quais se alinham à Quarta Revolução Industrial.

Se a proposta com essa mudança é usar recursos tecnológicos para aprimorar processos e, com isso, gerar resultados melhores, nada mais adequado do que lançar mão de sistemas próprios para esse setor, concorda?

Assim como dissemos, a Linkana é o primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede, que otimiza o sourcing, onboarding e análise de spend com uma base de dados unificada de perfis de fornecedores certificados para cadastro, risco, qualidade e diversidade.

As funcionalidades que você encontra nessa solução são:

Para ter a Linkana na sua empresa, preencha agora mesmo o formulário abaixo!

Leo Cavalcanti

Leo Cavalcanti

Advogado, especialista em Planejamento Tributário e Finanças, soma mais de 05 anos de experiência com rotinas de auditoria empresarial e tributária, além de conhecimento em controladoria e práticas de departamento jurídico corporativo. Atualmente é CEO e um dos co-fundadores da Linkana.

Ebook

Diversidade de Fornecedores

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores. Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Podcast

Procurement Hero

Líderes e referências do mercado de procurement batem um papo sobre tecnologia, dados e tendências.

Teste
Descubra se você é um comprador do futuro!

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores.Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Ferramenta

Consulta de CNPJ

Encontre o CNPJ e mais 10 outros dados de fornecedores em segundos.

logo linkana

Ebook

Gestão de Fornecedores

Descubra como fazer um gestão de fornecedores inteligente e guiada por dados na sua empresa!