Resources

Compras

Compras

Compras

Tecnologia em procurement: o que falta e o que esperar para o futuro?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

April 1, 2023

April 1, 2023

April 1, 2023

O uso da tecnologia em procurement pode ser vista como uma catalisadora para o aprimoramento desse setor. Entretanto, ainda que essa seja uma percepção um tanto óbvia, muitos profissionais da área ainda relutam em usar sistemas mais modernos e robustos para suas atividades diárias.

Leo Cavalcanti, CEO e um dos cofundadores da Linkana, em sua newsletter "Comprador, ainda é quarta-feira", chegou a comparar essa postura à Síndrome de Estocolmo em um dos seus artigos.

Para você entender melhor essa comparação, saiba que a expressão "Síndrome de Estocolmo" foi usada para nomear o comportamento dos reféns de um assalto a banco que aconteceu na Suécia em 1973.

Na época, as pessoas que ficaram sob a mira dos criminosos desenvolveram sentimentos positivos em relação a eles. Tanto que, após serem soltas, muitas os defenderam e se recusaram a testemunhar contra nos tribunais, apesar de todo abuso psicológico sofrido.

Mas, o que isso tem a ver com tecnologia em procurement? Bem, entre as maiores queixas dos usuários de sistemas para essa área estão:

  • demora na implementação;

  • soluções engessadas e difíceis de serem usadas;

  • pouca entrega de valor comparado ao alto custo da ferramenta;

  • os fornecedores também não gostarem do recurso.

Mesmo com todas essas falhas, muitos seguem considerando melhor usar esses sistemas ruins e obsoletos a mudarem para soluções que sabem ser bem mais modernas — aí o motivo da comparação com a Síndrome de Estocolmo.

Será que a falta de conhecimento sobre o futuro da tecnologia nessa área pode ser o motivo dessa recusa? Se essa for a questão, neste artigo ela será solucionada.

Aqui, falaremos quais são os maiores problemas da área de procurement e como recursos tecnológicos atualizados podem resolvê-los.

Continue a leitura e confira!

Os 5 principais problemas da área de procurement

Usar a tecnologia em procurement é uma das melhores formas de resolver os principais problemas desse setor. Os mais recorrentes costumam ser:

  • continuidade do uso processos antigos;

  • saving a todo custo;

  • análises ESG limitadas para a cadeia de suprimentos;

  • descentralização de dados;

  • ausência de uma base de dados de fornecedores compartilhada.

Continuidade do uso de processos antigos 

Entenda por continuidade do uso de processos antigos a realização manual de atividades de compras e procurement, por exemplo. 

Outro bastante comum seria manter na empresa softwares obsoletos, lentos ou com poucas funcionalidades — como a Síndrome de Estocolmo que acabamos de citar.

Saving a todo custo

Saving é importante, mas buscar isso a todo o custo pode comprometer seriamente a qualidade do que está sendo adquirido, bem como o relacionamento com os fornecedores. 

E como estamos falando sobre o futuro de procurement, essa prática já não deve mais fazer parte da rotina dos profissionais dessa área, especialmente entre os que estão dispostos a melhorarem suas atuações e habilidades, e a gerarem mais e melhores resultados para a companhia.

Entenda mais sobre isso no artigo: "Qual é a jornada para ser o comprador do futuro esperado pelas empresas?"

Análises ESG limitadas para a cadeia de suprimentos

Outro problema potencializado pela falta de tecnologia em procurement é a limitação de análise ESG para a cadeia de suprimentos. 

Seja devido à falta de dados para esse levantamento, ou de soluções que façam isso automaticamente, fica bastante difícil identificar quais fornecedores seguem boas práticas ESG em seus processos. 

O fato é que negligenciar essa questão acaba elevando os riscos para a empresa contratante, os quais podem resultar em uma série de problemas reputacionais, de continuidade, financeiro, entre outros.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Descentralização de dados

Não contar com um único sistema de procurement faz com que os dados desse departamento fiquem descentralizados. Por vezes, eles podem estar distribuídos em diferentes planilhas, ou mesmo em vários softwares menores. 

Além de dificultar o compartilhamento, trabalhar dessa forma compromete seriamente a dinâmica e a produtividade dos profissionais.

Ausência de uma base de dados de fornecedores compartilhada

E por falar em problemas de compartilhamento, a falta de uma base de dados de fornecedores compartilhada ainda é um dos grandes desafios dessa área.

Não contar com uma fundação de dados compartilhados, como também pode ser chamada essa solução, gera sobrecarga de trabalho para os profissionais de procurement e para os fornecedores, tornando a busca por empresas fornecedoras muito mais complexa e demorada.

Por outro lado, uma base de dados compartilhados de fornecedores reduz a burocracia, evita retrabalho, dá acesso aos profissionais a cadastrados validados e muito mais!

Extra! Conheça o Perfil de Fornecedores Certificados da Linkana. Um Perfil Universal do Fornecedor exclusivo que padroniza a definição de dados relevantes de fornecedores de acordo com as melhores práticas de mercado, trazendo efeito de rede para o envio e análise de dados entre vários compradores, com informações ESG e de D&I.

Qual o futuro da tecnologia em procurement?

O futuro da tecnologia em procurement, com toda a certeza, contempla sistemas pautados em Inteligência Artificial (IA)

O principal motivo é que, por meio desse recurso, é possível aprimorar, otimizar e modernizar atividades como:

  • coleta e validação de dados de fornecedores;

  • higienização de dados;

  • preenchimento de cadastros (dispensando a necessidade de interação humana);

  • análise de riscos mais precisas;

  • captação de informações públicas e privadas;

  • classificar documentos e muito mais.

Por exemplo, a solução da Linkana, que é a primeira fundação de dados de fornecedores compartilhada do Brasil, conta com Inteligência Artificial e outros recursos tecnológicos como armazenamento em nuvem e Machine Learning.

Com isso, nossa ferramenta oferece funcionalidades como:

Também somos o único e-procurement do mercado que resolve uma das maiores falhas do setor, que é a ausência de uma base de dados de fornecedores compartilhadas, conforme comentamos.

Isso acontece por meio do Linkana Network, primeira solução de fundação de dados de fornecedores do Brasil, que unifica dados compartilhados dos fornecedores entre os usuários do nosso sistema.

Para ter essa e outras funcionalidades da Linkana na sua empresa, preencha agora mesmo o formulário abaixo!

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market