Custos de processos logísticos: 3 estratégias para gastar menos e lucrar mais

Cada empresa tem liberdade para se organizar de maneira personalizada a fim de enfrentar os desafios do mercado. No entanto, é preciso que esse planejamento atenda certas necessidades essenciais. Entre elas, vamos falar hoje sobre logística, mais precisamente o custo de processos logísticos.

Do recebimento de suprimentos de fornecedores, armazenagem em estoque e distribuição dos produtos aos clientes, a gestão logística deve se preocupar constantemente com fatores internos e externos para garantir que as engrenagens estejam sempre no ritmo ideal.

De modo geral, sabemos que os custos de processos logísticos consomem uma boa fatia da receita das empresas. Assim como na gestão de riscos, agir com inteligência para atuar nas melhores condições possíveis ajuda a gastar menos e lucrar mais.

Veremos nesse artigo quais são os principais custos de processos logísticos, como eles se apresentam na rotina das empresas e juntos vamos conhecer 3 estratégias para reduzir gastos, mitigar riscos e aumentar o faturamento.

Principais custos da logística para empresas

Em 2018, o setor industrial dedicava 12,37% de sua receita para cobrir os gastos com logística. Estudos feitos em 2020 mostraram que essa porcentagem aumentou, apontando que o custo da logística compromete 17,56% do faturamento.

Nosso objetivo é mostrar maneiras de reduzir os custos de processos logísticos. Para isso, é importante aprofundar o conhecimento de quais são esses custos e qual sua importância na estrutura organizacional de uma empresa.

Vejamos então quais são os principais gastos com logística:

Armazenagem

Manter uma estrutura de estoque e armazenagem eficiente e funcional demanda planejamento, investimento e dedicação. Além do espaço físico para acomodar produtos e suprimentos, é importante que a organização do espaço facilite que cada item seja encontrado com facilidade.

Outro ponto relevante é o tempo que o produto fica parado em estoque. Normalmente, quanto maior, pior. Isso ocorre pois o espaço fica comprometido e não há escoamento.

Distribuição

Todo o processo de recebimento de pedido, armazenamento, retirada, separação de mercadorias e encaminhamento até o cliente se encaixa no custo de distribuição nos processos logísticos. Basicamente, engloba tudo que leva um item do ponto A ao ponto B na cadeia de produção.

Quanto mais complexo o sistema, na quantidade de etapas e setores envolvidos, maior o investimento para controlar o custo e otimizar a qualidade do processo logístico de distribuição.

Embalagem

O transporte de produtos, seja o recebimento de suprimentos dos fornecedores ou envio de produtos ao cliente final, é diretamente influenciado pela embalagem. A quantidade máxima transportada depende das dimensões da embalagem, capacidade de empilhamento, entre outros fatores.

Além disso, o aproveitamento do produto que chega ao destino também é afetado. Embalagens que não acomodam e protegem o conteúdo geram perdas e aumentam o custo. Obviamente, embalagens muito caras e reforçadas também causam esse aumento, sendo importante buscar um equilíbrio que faça sentido para o item em questão.

Custo de produtos e serviços

O departamento de compras de uma empresa costuma incluir o custo de suprimentos no valor cobrado pelo seu produto final, visando cobrir os gastos e obter lucro. Ainda assim, os gastos com produtos e serviços de terceiros fazem parte da conta de logística.

A aquisição de suprimentos e a forma como os pagamentos são efetuados impactam na definição orçamentária para cobrir os custos de processos logísticos, sendo uma atividade em constante otimização, desde o processo de qualificação de fornecedores, acompanhamento de KPI de compras e negociações efetuadas com os parceiros comerciais.

Resultados impressionantes através da automação de processos
Descubra como a Nivea, a Mitre e outras grandes empresas revolucionaram seus processos de gestão de fornecedores com a plataforma da Linkana.

Manutenção

Custos de manutenção são impossíveis de se evitar. Tudo que está em uso, também está em desgaste e precisa de cuidados constantes. Desde a limpeza dos espaços de uma empresa ao cuidado com maquinário e gestão inteligente de frotas, tudo entra na conta.

Equipe

A mão de obra em atividade no setor de estoque, logística e até mesmo no departamento de compras deve ser considerada como custo humano, afinal de contas é um recurso que precisa ser utilizado com inteligência e de maneira eficiente.

Além disso, saber engajar os colaboradores e motivar sua dedicação ao processo deve ser uma preocupação constante dos gestores.

Processos tecnológicos

O uso de plataformas digitais e a automação de processos logísticos são práticas interessantes para obter uma cadeia de suprimentos mais eficiente e ágil. Mesmo assim, há de se considerar que a implementação de sistemas do tipo gera um custo e pode necessitar de treinamentos.

À longo prazo, um bom software de logística ainda é interessante e costuma se pagar com o tempo, o famoso retorno de investimento, que deve ser sempre considerado.

Tributos

A carga tributária brasileira é alta e sempre está em pauta quando o assunto são os custos de processos logísticos. A nossa legislação também costuma ser bem complexa, para evitar problemas é muito importante aprofundar-se no conhecimento de leis e tributos, combatendo os riscos e buscando possíveis isenções fiscais.

3 estratégias para reduzir custos logísticos

Ao formar uma melhor compreensão sobre os custos de processos logísticos, temos a base necessária para criar estratégias de redução de gastos. Na realidade, muitas delas envolvem principalmente o uso inteligente dos recursos que já estão comprometidos em financiar a operação.

Isso porque se você dispõe de um orçamento e pode produzir mais sem necessariamente investir mais, o aumento de faturamento é significativo, contribuindo para a rentabilidade do empreendimento.

Então vamos lá, veja agora 3 estratégias para reduzir o custo de processos logísticos:

1. Planejamento de ações

Cada processo logístico requer um conjunto de ações para ser executado com maior eficiência. Eficiência que por sua vez influencia se o custo do processo logístico será maior ou menor.

Dessa forma, planejar as etapas de cada ação e cada área é essencial para diminuir os custos. Comece mapeando os processos e desenhando os fluxos operacionais da sua empresa, no caso do setor de logística.

Com isso, é possível identificar as necessidades essenciais e o que é relevante para manter o seu funcionamento otimizado.

Vale lembrar que o planejamento de processos e suas diretrizes devem ser revisados e melhorados com o passar do tempo, principalmente com um cenário mercadológico tão intenso e complexo.

2. Integração e automação

Conhecendo cada etapa do processo você verá que diversas interações pontuam sua operação. Normalmente é uma questão de causa e efeito. Ao receber um dado ou alteração de status, uma nova etapa é iniciada.

Para diminuir os custos de processos logísticos, a tendência ideal é distanciar dos procedimentos feitos manualmente. O primeiro passo seria a integração de sistemas, que ao receber a informação, replica ela para todos os envolvidos.

Plataformas integradas permitem uma fácil visualização do fluxo operacional, agilizam a identificação de problemas e notificam os responsáveis em relação aos próximos passos.

O que já aborda a próxima medida estratégica para reduzir os custos, que é a automação de processos logísticos. Ao dispor de um sistema integrado, que fornece informações relevantes e em tempo real, a melhor opção é que a resposta seja automática.

Em relação aos custos de processos logísticos, podemos prever necessidades de compra, controlar níveis de estoque, gerenciar manutenções programadas, estudar dados de consumo e avaliar rotas de distribuição.

Outro setor onde a automação de processos traz muitas vantagens é na qualificação e homologação de fornecedores.

A Linkana, por exemplo, é uma empresa especializada em análises públicas de governança e Compliance, com um sistema especialmente desenvolvido para reunir a maior quantidade de dados sobre fornecedores, sem burocracia e com foco total no combate eficiente à riscos.

3. Rede de fornecedores

A partir do software de e-procurement da Linkana é possível montar uma rede de fornecedores homologados com excelente qualidade. Além de mitigar riscos, esse processo tem grande importância no desenvolvimento de um bom relacionamento com os fornecedores.

Através disso, se obtém melhores condições de negociação e é possível reduzir os custos de processos logísticos que envolvem produtos e serviços atrelados à operação. Com esse intuito, também recomenda-se acompanhar de perto os indicadores de desempenho dos fornecedores.

Os KPI de compras fornecem os dados que precisamos para saber se uma relação comercial está saudável e estimulando o crescimento da empresa, o que por sua vez só acontece quando os custos de processos logísticos estão sob controle.

Automatizar para otimizar

As estratégias propostas são bem claras, reduzir os custos de processos logísticos é possível e recomendado. Porém, precisamos destacar a importância de usar os seus recursos de maneira inteligente para gerar essa economia.

Mapear os processos e planejar as ações, com base em informações confiáveis e relevantes é um passo inicial importante. A partir daí, podemos ganhar tempo em pontos-chave da operação, através de tarefas automatizadas e sistemas integrados.

Como diz o ditado, tempo é dinheiro. Com maior agilidade e tempo para se concentrar em decisões estratégicas, diminuir custos logísticos se torna uma realidade para sua empresa.

E então, pronto para colocar essas estratégias em prática?

Leo Cavalcanti

Leo Cavalcanti

Advogado, especialista em Planejamento Tributário e Finanças, soma mais de 05 anos de experiência com rotinas de auditoria empresarial e tributária, além de conhecimento em controladoria e práticas de departamento jurídico corporativo. Atualmente é CEO e um dos co-fundadores da Linkana.

Ebook

Diversidade de Fornecedores

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores. Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Podcast

Procurement Hero

Líderes e referências do mercado de procurement batem um papo sobre tecnologia, dados e tendências.

Teste
Descubra se você é um comprador do futuro!

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores.Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Ferramenta

Consulta de CNPJ

Encontre o CNPJ e mais 10 outros dados de fornecedores em segundos.

logo linkana

Ebook

Gestão de Fornecedores

Descubra como fazer um gestão de fornecedores inteligente e guiada por dados na sua empresa!