Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de fornecedores para o setor de turismo: como ajuda a alavancar esse segmento?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

October 16, 2022

October 16, 2022

October 16, 2022

A dinâmica de uma gestão de fornecedores para o setor de turismo depende de qual ponto dessa cadeia a empresa está. Isso porque esse segmento é formado por operadoras de turismo, consolidadoras, companhias aéreas, seguradoras, locadoras de veículos, entre muitas outras companhias.

Na prática, cada um desses negócios têm necessidades próprias e precisam de provedores específicos para garantir o bom fluxo de trabalho. Porém, é possível dizer que todos têm um objetivo em comum: elevar o nível de satisfação do cliente, promover sua segurança e entregar a melhor experiência de viagem possível.

Por conta disso, é possível identificar alguns pontos em comum de uma gestão de fornecedores para o setor de turismo, tais como a busca por qualidade e por um preço justo e competitivo.

Sobre isso, vale destacar que esse segmento foi o mais afetado durante a pandemia. Segundo dados do Ministério do Turismo e do IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, as viagens no Brasil tiveram queda de 41% entre os anos de 2019 e 2021.

Dessa forma, todas as estratégias e ações adotadas a partir de então precisam ter como objetivo despertar novamente o interesse dos clientes, a fim de que esse mercado retome ao patamar anterior e siga rumo ao crescimento.

Nesse cenário, o mesmo levantamento do Ministério do Turismo e do IBGE revelou que, em 2021, foram registradas 12,3 milhões de viagens, dessas, 93% foram para lugares dentro do Brasil. 

O valor médio gasto pelos turistas com hospedagem foi de R$ 1.292, com alimentação R$ 501 e com transporte R$ 442.

Não se pode negar que uma boa gestão de fornecedores é parte importante desse processo. Entretanto, para realizá-la com precisão, é preciso ponderar sobre alguns pontos. Siga a leitura deste artigo e confira agora quais são.

3 pontos de atenção em uma gestão de fornecedores para o setor de turismo

Como dissemos, são várias as empresas que fazem parte desse segmento, o que faz com que a gestão de fornecedores para o setor de turismo seja diferente para cada uma delas. 

No entanto, os pontos em comum dessas companhias que devem ser considerados na hora de buscar bons provedores são:

  • garantia de qualidade dos serviços;

  • preço justo, atrativo e competitivo;

Garantia de qualidade dos serviços

A qualidade dos serviços do setor de turismo é um critério inquestionável em toda a sua cadeia. Como motivo, podemos usar um exemplo: de nada adianta a agência prestar um atendimento de excelência se o hotel tiver falhas que comprometem a experiência de viagem.

Quanto a isso, o time de procurement precisa analisar os potenciais provedores, verificar risco de reputação, atendimento a leis e normas de trabalho, sistema de gestão de qualidade, entre outros critérios relacionados.

Dica de leitura: "ISO 9001: o que é esse certificado, para que serve e como obtê-lo?"


Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.


Preço justo, atrativo e competitivo

Enquanto a qualidade é uma questão inegociável, o preço pode (e deve) ser debatido e acordado entre as partes. Entretanto, é preciso ponderar sobre que nem sempre valores altos são sinônimo de qualidade na mesma proporção.

Somado a isso, a equipe de gestão de fornecedores para o setor de turismo precisa ter em mente que os preços praticados pelos fornecedores afetam diretamente os valores dos clientes finais. Por essa razão, é bem importante buscar um bom equilíbrio entre custo-benefício.

Aqui, é válido fazermos uma comparação entre o comprador do passado e o gestor de compras do futuro

O comprador do passado buscava saving a qualquer custo, o que gerava pressão e comprometia o relacionamento com os fornecedores. Já o comprador do futuro entende a importância da resiliência na cadeia de suprimentos, fomentando a construção de estratégias junto aos seus provedores.


Comprador do passadoComprador do futuroPrioridadesSaving a qualquer custo, com redução da base de fornecedores.Saving combinado com resiliência, inovação e diversificação da base de fornecedores.SistemaQuer um um único sistema controlando tudo.Quer um hub central que se conecta com outros apps e sistemas facilmente.FornecedorESG não dá ROI.ESG, D&I, inovação e diversificação.



Diversidade de fornecedores

No início deste artigo, dissemos que 93% das viagens que foram feitas em 2021 foram para regiões dentro do Brasil. Isso chama a atenção para o fato de o nosso país ser diversificado, com uma grande mescla de povos, culturas e costumes.

Partindo desse princípio, por que não criar uma gestão de fornecedores para o setor de turismo pautada em um programa de diversidade de fornecedores

A ideia com essa estratégia é incluir na cadeia de suprimentos negócios comandados por empreendedores de culturas, contextos e nichos diversos. No caso, estamos falando de companhias comandadas por mulheres, pessoas negras, PCDs (pessoas com deficiência), comunidade LGBTQIA+. Ou seja, que fazem parte do chamado "grupo minoritário".

Entre os benefícios da diversidade de fornecedores para a empresa contratante estão:

  • melhora da imagem da marca perante consumidores e investidores;

  • ampliação do quadro de potenciais provedores;

  • formação de um ecossistema mais rico e diverso. 



Melhorando a gestão de fornecedores para o setor de turismo com a Linkana!

A Linkana é o primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede. Nossa base de dados de perfis compartilhados permite que compradores analisem fornecedores ativos e novos em alguns cliques. 

Com isso, criamos e geramos valor com insights de informações comerciais, de risco, qualidade e diversidade, utilizados em processos de cadastro, onboarding, sourcing e análise de spend.

Os diferenciais dessa solução são:

  • Perfis de fornecedores certificados → O Supplier Open Profile da Linkana padroniza a definição de dados relevantes de fornecedores de acordo com as melhores práticas de mercado, trazendo efeito de rede para o envio e análise de dados entre vários compradores, com informações ESG e de D&I.

  • Base de dados viva e unificada → Devolvemos o controle dos dados para os fornecedores de maneira inteligente, onde dados públicos são atualizados automaticamente ou enviados uma única vez, evitando informações incompletas, obsoletas ou duplicadas.

  • Fundação de dados integrada → Impulsionamos o retorno do investimento (ROI) de ferramentas de e-procurement, centralizando dados de fornecedores em uma fonte única de verdade, dinâmica e 100% integrada com todos os sistemas de gestão.


Somos o #SRMDoFuturo, feito para o #CompradorDoFuturo

Que tal ter o software da Linkana na empresa? Preencha o formulário abaixo e confira como!


Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market