Resources

Gestão de riscos

Gestão de riscos

Gestão de riscos

Qual a importância da cultura data driven em supply chain? Como implementá-la?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

July 7, 2022

July 7, 2022

July 7, 2022

A cultura data driven, ou seja, a  orientada a dados, consiste no uso desse recurso para embasamento de todas as tomadas de decisão de uma empresa.

Isso significa que as resoluções da companhia são definidas por meio da análise de dados, os quais podem ter sido gerados pelo próprio negócio, ou por veículos externos, a exemplo de estudos, pesquisas e levantamentos específicos da sua área de atuação.

A proposta por trás do desenvolvimento de uma cultura data driven é contribuir para que os gestores tomem decisões mais conscientes, concretas e significativas, as quais favoreçam direta e pontualmente a conquista de melhores resultados para a empresa.

Por conta disso, a cultura orientada por dados pode ser aplicada em diferentes setores de um negócio, incluindo o de procurement

Mas por quais motivos esse tipo de gestão contribui para melhorar a cadeia de suprimentos? Qual a real importância de cultura data driven em supply chain? Confira essas e outras respostas relacionadas a esse tema agora, neste artigo!

Por que a cultura data driven é importante em supply chain?

A cultura data driven é importante em supply chain visto que ter dados como base para tomar decisões voltadas para essa área tende a ajudar a empresa a mitigar riscos e a evitar perdas financeiras.

Sobre isso, podemos partir do seguinte princípio: a coleta, seleção, compilação e uso correto de dados é uma fonte quase inesgotável de parâmetros reais. Quando feita corretamente, essa estratégia colabora para os gestores deliberarem com mais precisão e segurança, deixando de lado achismos e suposições.

Dependendo do cenário analisado, dados passados contribuem bastante para prever novas situações. Isso, por sua vez, dá chance para os responsáveis pelo negócio se anteciparem a esses potenciais eventos, diminuindo impactos e perdas para a empresa e seus clientes finais.

Ou seja, é possível dizer que a adoção de uma cultura data driven na gestão de fornecedores é uma ação estratégica, considerando também que essa abordagem ajuda a lidar com perspectivas de curto, médio e longo prazo.

A aplicação da cultura data driven no gerenciamento de terceiros

Listar os maiores desafios da gestão de risco de terceiros é outra forma de entender a importância de desenvolver uma cultura orientada em dados para esse setor.

Encontrar fornecedores qualificados, diminuir os riscos desse tipo de relacionamento e garantir a ética empresarial estão entre os principais obstáculos enfrentados pelas empresas que precisam desses parceiros de negócios para dar andamento em seus processos.

Pensando nesses pontos que requerem extrema atenção, fica mais fácil compreender por quais razões uma boa gestão de dados é tão importante, e por quais motivos o uso desses registros devem embasar as decisões.

Quanto a isso, tenha em mente que os dados são a base para a formação de uma supply chain sólida e satisfatória. É por meio da análise e avaliação desses registros que se torna possível chegar a fornecedores realmente preparados para atender às necessidades da empresa.

Seguindo essa linha de raciocínio, entende-se também por que dados incompletos, irreais, ausentes e/ou irrelevantes afetam tanto a gestão de fornecedores de uma companhia.



Quais são os benefícios de uma cultura orientada a dados em supply chain?

Fornecedores inadequados geram perdas e impactos significativos para um negócio. Alguns exemplos são:

  • perda de qualidade nos produtos e/ou serviços comercializados;

  • atraso na produção, gerando também atraso nas entregas;

  • aumento do nível de insatisfação dos clientes finais;

  • comprometimento da imagem da marca no seu mercado de atuação;

  • perda de consumidores para concorrentes;

  • perda do potencial de atração e de fidelização.


Por outro lado, uma cadeia de suprimentos bem estruturada, especialmente quando pautada em uma cultura orientada a dados, geram benefícios como:


  • construção de uma supply chain mais sustentável e produtiva;

  • identificação mais precisa de fornecedores alinhados com a necessidade e expectativa da empresa;

  • redução do tempo do processo de homologação de fornecedores

  • diminuição de falhas que resultam em retrabalho e mais custos operacionais;

  • aprimoramento da gestão de riscos.



Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.


Como criar uma cultura data driven voltada para gestão de fornecedores?

Não há como criar uma cultura orientada a dados sem o uso da tecnologia. Isso é incontestável.

Na supply chain, especificamente, podem estar incluídas soluções como Big Data, Machine Learning, armazenamento em nuvem (cloud) e Data Science.

É por meio de recursos tecnológicos como esses que se torna possível automatizar e otimizar o processo de coleta, seleção e higienização dos dados, transformando-os em informações que gerarão insights para as tomadas de decisão dos gestores.

Mas, somado a isso, é preciso considerar também outros pontos, tais como:


  • ter uma estratégia data driven bem definida;

  • engajar a equipe na adoção dessa nova cultura;

  • preparar adequadamente os profissionais para usarem corretamente as ferramentas;

  • avaliar periodicamente os resultados obtidos com essa abordagem;

  • escolher sistemas compatíveis com o modelo de negócio e necessidade da empresa.


Onde encontrar o melhor software de gestão de fornecedores?

Com uma plataforma focada 100% na gestão de fornecedores, o software da Linkana é uma solução que centraliza esse processo de ponta a ponta. Isso significa que esse sistema ajudará o seu negócio desde a homologação até a finalização do processo junto ao fornecedor.

Entre as funcionalidades oferecidas por essa solução estão:

  • coleta e validação automática de dados;

  • análise de dados públicos;

  • análise de riscos;

  • análise de gastos;

  • avaliação de performance de fornecedores;

  • monitoramento automatizado de base ativa;

  • indicadores operacionais e estratégicos.


Conheça os casos de sucesso da Linkana e confira quais são as grandes empresas que resolvem seus problemas de gestão de fornecedores com essa solução.

E para fazer uma homologação e avaliação de fornecedores rápida e sem burocracia, com monitoramento automatizado, basta preencher o formulário abaixo para conversar com um dos consultores da Linkana!


Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market