Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

ISO 50001: para que serve e qual a importância da norma para as empresas?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

July 27, 2022

July 27, 2022

July 27, 2022

A ISO 50001 é uma norma internacional que visa à implementação de um Sistema de Gestão de Energia Elétrica nas empresas. 

Publicada pela International Organization for Standardization em 15 de junho de 2011 e atualizada em 2018, seu papel é contribuir para que as organizações criem e executem processos que resultem em um melhor desempenho energético, incluindo o uso, consumo e eficiência energética.

Assim, o objetivo dessa norma é  reduzir a emissão de gases poluentes e de efeito estufa, bem como outros danos ambientais provenientes da geração e do consumo de energia elétrica. 

Como resultado, além de contribuir para a preservação do meio ambiente, há grandes chances de reduzir os gastos financeiros com esse serviço, o que também é bastante benéfico para o negócio.

Aqui, vale destacar que essa norma pode ser aplicável a qualquer modelo empresarial, independentemente do seu porte, condições geográficas, culturais, mercado de atuação, ou outros pontos que caracterizam a companhia.

Se essa é uma das metas da sua empresa, continue a leitura deste artigo e confira o que é a ISO 50001, quais são os objetivos dessa norma, seus critérios de exigência e mais.

O que é a ISO 50001?

A ISO 50001 é uma norma internacional que define parâmetros para a implementação de Sistemas de Gestão de Energia Elétrica nas companhias.

Empresas detentoras dessas certificações se posicionam como aquelas que adotaram as diretrizes apresentadas nessa norma e, por conta disso, conseguem operar garantindo a eficiência energética, decorrente do uso adequado desse recurso. 

Como reflexo, isso resulta em menos gastos financeiros, bem como promove uma conexão da companhia com comportamentos sustentáveis.

Vale lembrar que, a cada ano, o consumo de energia elétrica está aumentando no Brasil e no mundo, o que chama a atenção para a necessidade de pessoas físicas quanto e jurídicas ajustarem seus posicionamentos frente a esse serviço, a fim de reduzir custos e proteger o meio ambiente.

Para você ter uma ideia do crescimento da utilização desse bem por aqui, dados da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), divulgados em uma matéria do site CNN Brasil, revelaram que mesmo em meio a uma crise hídrica, o Brasil bateu um recorde histórico de consumo de energia em março de 2022.

De acordo com a entidade, que faz essa análise desde 2004, foram consumidos 44.101 gigawatts-hora (GWh) no mês mencionado, o que representa um aumento de 1,6% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Puxaram essa alta especialmente os consumidores da classe comercial — com 6,1% do consumo, contra 5,4% da classe residencial —, sendo o setor alimentício o que mais aumentou o consumo (5,6%), inclusive em elevação pelo terceiro mês consecutivo.



Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.


Quais são os objetivos da ISO 50001?

Os principais objetivos da ISO 50001 são contribuir para que as empresas identifiquem e implementem processos que ajudem a melhorar seus consumos energéticos, e ajudar a proteger o meio ambiente dos danos gerados para a obtenção desse recurso.

Baseando-se nessas diretrizes, as companhias conseguem desenvolver boas práticas para a definição de uma política energética interna, por meio do estabelecimento de metas e planejamentos que respeitam requisitos legais desse setor, os quais resultam em um melhor desempenho energético, de uso e de consumo desse recurso.

Com isso, alguns dos benefícios que podem ser obtidos são:

  • possibilidade de projetar o consumo energético e de identificar pontos de economia;

  • chance de promover uma transformação digital e tecnológica na companhia que contribua para reduzir gastos com esse recurso;

  • identificação da performance e do nível de consumo de energia de maquinários e processos;

  • oportunidade para ajustar os processos da organização para realizar operações mais sustentáveis e com o menor impacto possível para o meio ambiental. 


Sugestão de leitura: "ESG: como aplicar a prática sustentável com responsabilidade nas empresas?"

Quais os critérios de exigência da ISO 50001?

Para chegar a esses resultados, há uma série de critérios, definidos nesta norma, que precisam ser cumpridos pelas empresas, tais como:


  • desenvolver uma política interna que vise o uso eficiente de energia elétrica pela companhia e seus processos;

  • definir objetivos claros e metas alcançáveis para atendimento dessa política;

  • se basear em dados para tomar decisões no que se refere ao uso desse bem;

  • mensurar adequadamente os resultados dessa estratégia;

  • garantir a melhoria contínua do sistema de gestão de energia que está sendo adotado, revisando suas práticas de tempos em tempos;

  • fazer os ajustes necessários sempre que identificar pontos de melhoria.



Por que vale a pena ter essa certificação e como obtê-la?

Assim como as demais normas da família ISO, a 50001 também não é obrigatória. No entanto, a obtenção dessa certificação costuma trazer uma série de vantagens para o negócio. Um bom exemplo é o aprimoramento da imagem da companhia, que tende a contribuir bastante para melhorar o relacionamento com fornecedores, clientes e outros stakeholders.

Assim, se é do seu interesse obter essa certificação, saiba que o processo para isso segue os mesmo parâmetros dos necessários para outras ISOs, tais como a ISO 26000 e a ISO 37001.

Ou seja, significa que é necessário buscar organismos credenciados para a emissão desse tipo de certificado e passar por auditorias, a fim de verificar se todas as diretrizes estão sendo devidamente atendidas por sua empresa.

Antes disso, costuma ser bastante sugerido firmar parceria com uma consultoria em gestão de energia, a qual ajudará o seu negócio a se adequar corretamente às instruções e requisitos determinados pela norma em questão.

Como saber quais empresas têm a certificação? 

Considerando que qualquer organização pode ter essa certificação, desde que atenda seus parâmetros, pode ser que seja interessante para o seu negócio contratar fornecedores com esse diferencial.

Assim, para saber se uma empresa tem certificação ISO, um dos caminhos é utilizando o Certifiq, que é o Sistema de Gerenciamento de Certificados criado pelo Inmetro em parceria com os Comitês da Qualidade ABNT/CB-25 e ABNT/CB-38.

Para isso, no entanto, é preciso acessar a página de consulta de empresas certificadas e entrar manualmente com alguns dados.

Essa etapa acaba sendo incluída no processo de qualificação de fornecedores e, como você já deve saber, realizar a análise de documentos de forma manual demanda tempo e aumenta consideravelmente as chances de erros. 

Dessa forma, para evitar transtornos desse tipo, a melhor saída é utilizar um sistema próprio para qualificar terceiros.

A Linkana, software de gestão de fornecedores, por exemplo, realiza a homologação e a avaliação de terceiros de forma rápida, eficiente e sem burocracia. Com essa ferramenta você consegue analisar gastos, mitigar custos e diminuir de ponta a ponta os riscos desse gerenciamento.

Preencha agora mesmo o formulário abaixo e conheça mais sobre a solução da Linkana, primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede que otimiza o sourcing, onboarding e análise de spend com uma base de dados unificada de perfis de fornecedores certificados para cadastro, risco, qualidade e diversidade.



Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market