Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

O que são metas SMART? Como desenvolvê-las para fortalecer o engajamento dos colaboradores?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

June 2, 2022

June 2, 2022

June 2, 2022


Entender o que são metas SMART pode ser fundamental para qualquer empresa que busque aumentar a produtividade da sua equipe a fim de gerar resultados satisfatórios.

Nesse sentido, as metas têm como foco estimular o esforço dos colaboradores, e não somente gerar lucro para a empresa. Por isso, é importante tomar cuidado na hora de utilizar as siglas, que veremos adiante.

Mas, afinal de contas, o que são metas SMART? Como as empresas podem se beneficiar por meio delas? Explicaremos a seguir o significado, como funciona, prós e contras, e muito mais.

Qual a importância das metas SMART no dia a dia da companhia?

Em primeiro lugar, é preciso ter em mente que existem diversas maneiras de conquistar resultados em uma empresa, mas não adianta usar um método se não houver planejamento do que se propõe.

Supomos que seus  funcionários recebam a ordem de alavancar as vendas, porém, sem dados sobre o valor desejado, tempo estipulado para aperfeiçoar o trabalho e, muito menos, quais recursos utilizar, fica difícil chegar a um consenso.

Diante desse cenário confuso, é muito provável que o objetivo não seja alcançado com sucesso, uma vez que os gestores não alinharam com o time o modelo de ação sobre as vendas.

Logo, a criação de metas pode servir como direcionamento, ajudando a definir o lugar esperado, e, com isso, fazer um levantamento das ações para chegar à solução.

A propósito, quando se trata de marketing digital, várias ações podem ser executadas para aumentar o capital de uma empresa, seja com a presença constante nas redes sociais de forma orgânica, por meio de anúncios pagos, criação e divulgação de conteúdo destinado ao público-alvo, etc.

Todas essas atitudes representam um investimento necessário, mas para que possam ser colocadas em prática, é necessário criar um plano de ação.

Em suma, para montar um plano de ação, é fundamental construir metas inteligentes, o que consideramos como SMART.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Então, como definir metas SMART?

Metas SMART correspondem a uma maneira eficiente de criar metas que irão incentivar o empresário a fortalecer sua chance de alcançar seus objetivos.

Em vez de utilizar meios vagos e confusos, as metas SMART criam trajetórias pontuais. Na prática, funciona como um checklist, na qual cada meta é avaliada para saber se atende os requisitos propostos.

O conceito é um acrônimo, isto é, formado a partir de letras iniciais da língua inglesa. São elas:

  • Specific (específico);

  • Measurable (mensurável);

  • Attainable (atingível);

  • Relevant (relevante);

  • Time based (temporal).

Cada letra corresponde a um componente das metas. Vamos conhecer a partir de agora o significado de cada uma e citaremos os principais exemplos de metas SMART para ficar mais claro:

S – Specific (Específico)

Lembra quando citamos como é confuso não saber como maximizar as vendas de uma empresa? Esse é um problema muito comum, o que enfraquece a produtividade de uma equipe.

Nesse sentido, ser específico é ter um objetivo claramente definido. 

Para ajudá-lo a ampliar a visão e saber onde pretende chegar, recorra às perguntas abaixo:

  • Por que quero isso?;

  • O que faço para alcançar?;

  • Onde esse objetivo vai levar o negócio após alcançar?;

  • Quando pretendo realizá-lo?

Percebeu como aparecem respostas mais objetivas quando se pensa sobre o objetivo?

Exemplo:

Troque: “Quero ganhar mais dinheiro”/ “Vamos aumentar as vendas”

por

“Vamos fortalecer as vendas até o final do mês”/ “Vamos conquistar um novo cliente esta semana”

M – Measurable (Mensurável)

Um dos grandes problemas dos bons líderes é não mensurar as tarefas e os objetivos, o que passa a sensação de “deixar para fazer depois”.

A dica é usar números para coletar e monitorar os dados. Isso manterá você a criar a responsabilidade em direção à meta.

Exemplo:

Troque: “Vamos trocar o estoque de sapatos ainda hoje”

por

“O estoque de sapatos será trocado em até 45 minutos para que os clientes vejam os novos produtos”

A – Attainable (Atingível)

O termo “os pés no chão” é perfeito para quem visualiza suas metas com possibilidades reais de atingir.

Os objetivos atingíveis são aqueles que têm maiores chances de serem almejados com os recursos viáveis, como materiais e financeiros. Além do mais, eles podem gerar um aumento de confiança, seja do cliente, da equipe ou de fornecedores, por exemplo.

Exemplo:

Troque: “Vou baixar o máximo do preço dos produtos na Black Friday”

por

“Na Black Friday, é possível vender 50% do estoque com produtos que estarão entre 20% a 30% de desconto”

R – Relevant (Relevante)

Nem todas as metas podem ser relevantes para suas necessidades. Ter consciência ajudará a mantê-lo em destaque e coerente.

Por exemplo, durante uma crise econômica talvez não seja o momento de adquirir equipamentos de última geração para a sua empresa, uma vez que o custo será alto e poderá demorar a obter retorno.

Exemplo:

Troque: “Vamos contratar 20 funcionários para trabalhar o feriado de Dia das Mães”

por

“Vamos avaliar a possibilidade de realizar cinco contratações temporárias para o feriado de Dia das Mães, pois não temos muitos recursos para o pagamento de contas de muitos funcionários”.

T – Time based (Temporal)

Definir um prazo limite para qualquer escopo pode ser imbatível para você realizar a sua meta. Não invista em metas vagas!

Exemplo:

“Vamos aumentar as vendas nos próximos dias”

por

“Vamos fechar as vendas de, no mínimo, 15% dos novos produtos até o final do trimestre deste ano.

Como usar as metas SMART na busca de fornecedores?

Ao longo do texto, nós abordamos o que são metas SMART e como aplicá-las no dia a dia dos negócios para obter resultados.

É importante ressaltar que a técnica pode ser utilizada para buscar fornecedores capacitados, utilizando metas que representam prazo de entrega, qualidade e relevância, tornando-se relevante como indicador de desempenho.

Somado às metas, uma maneira de descobrir a empresa mais segura é recorrer à homologação de fornecedores.

Na homologação, sua corporação certificará que o fornecedor é apto a ser contratado, com as qualidades necessárias para atender suas demandas. Apesar de essa etapa ser imprescindível para o sucesso da contratação, muitas empresas a ignoram devido a sua complexidade.

Faça como a CBA que, antes de utilizar o nosso serviço, levava acima de 30 dias ou mais para homologação e cadastro do fornecedor. A plataforma de homologação não proporcionava a possibilidade de extração de base de dados para manipulação e gestão estratégicas destes em ferramentas de BI, impossibilitando a gestão de riscos e análises estratégicas sobre a base de mais de 3500 fornecedores. 

Com a plataforma da Linkana todo o processo foi otimizado, gerando uma experiência eficiente e única. 

Em uma única ferramenta, nós permitimos que você:

  • adicione fornecedores preenchendo o mínimo de informações possíveis;

  • consulte mais de 50 bases públicas automaticamente e conheça nosso algoritmo que te guia ao longo do processo;

  • mitigue riscos e acompanhe a performance de seu fornecedor de maneira simplificada e eficaz;

Além disso, nós coletamos os demais documentos e questionários de checklists 100% customizados para você. 

Por fim, todas as informações públicas ou privadas sempre atualizadas, sem complicação.

Se você se interessou pela Linkana, preencha o formulário abaixo para começar a sua jornada em direção de mais inteligência e decisões orientadas a dados:

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market