Resources

ESG

ESG

ESG

O que é SBTi? Quais os benefícios e como adotar essas metas?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

October 3, 2023

October 3, 2023

October 3, 2023

Saber o que é SBTi é mais uma forma de alinhar a sua empresa a boas práticas ESG. Isso porque trata-se de uma organização que fomenta a adoção de metas baseadas na ciência. Tais direcionamentos apontam orientações claras e objetivas sobre ações que podem ser adotadas para reduzir a emissão de gases de efeito estufa (GEE).

A sigla SBTi representa o termo em inglês Science Based Targets Initiative que, em português, significa Iniciativa de Metas Baseadas na Ciência. 

O conceito de metas baseadas na ciência se fundamenta no Acordo de Paris. O tratado representa um compromisso mundial sobre mudanças climáticas com objetivos definidos para a diminuição da emissão dos gases poluentes em todo o mundo.

Adequar a sua empresa aos parâmetros apontados pela SBTi é fundamental para que a organização atue de modo que as atividades realizadas não causem danos ao meio ambiente, especialmente os voltados para GEE.

Ao fazer isso, é possível obter benefícios como aumento da vantagem competitiva, melhora da reputação da marca, aumento do interesse por parte dos investidores, entre vários outros.

Todavia, é importante que não apenas a sua empresa se preocupe com o cenário e com a implementação de critérios ESG nos processos. O ideal é que todos os agentes que se relacionam com o seu negócio, principalmente os fornecedores, sigam o mesmo caminho.

Dessa forma, você protege a sua companhia de todos os lados. Isto é, evita tanto comportamentos internos inadequados que afetam a dinâmica do seu negócio quanto o reflexo de atividades e más condutas vindas de fornecedores.

Para entender melhor a importância das ações citadas e como ajustar a sua empresa a elas, siga a leitura deste artigo. Nas próximas linhas você confere, em detalhes, o que é Science Based Targets Initiative, como funciona, quais são os benefícios e como aderir às metas SBTi.

O que é SBTi?

SBTi é a sigla da Science Based Targets Initiative, uma das principais instituições responsáveis por difundir as metas baseadas na ciência. Trata-se de uma série de diretrizes voltadas às organizações sobre quais condutas adotar para reduzir a emissão de GEE decorrente de suas atividades econômicas.

A proposta das metas baseadas na ciência é ajudar companhias de todo o mundo a realizar processos produtivos e logísticos que gerem menos impacto às mudanças climáticas. 

Para isso, a base do conceito é o Acordo de Paris, que tem, como objetivo, manter o aumento da temperatura média global abaixo de 2°C em relação aos níveis pré-industriais. Além disso, o acordo busca fomentar esforços para limitar o aumento da temperatura a 1,5°C acima dos níveis pré-industriais. 

Segundo o Pacto Global das Nações Unidas, para chegar a esse resultado, é necessário que a emissão de gases de efeito estufa (GEE) de todo o mundo seja cortada pela metade até 2030, atingindo o net zero (emissão zero) em 2050.

Aproveite e leia também: "Carbon Disclosure Project (CDP): como funciona em supply chain?"

Como funciona a iniciativa SBTi?

Outra forma de entender o que é SBTi é conhecendo como a entidade funciona. Quanto a isso, o primeiro ponto que você precisa saber é que a iniciativa foi fundada em 2015, a partir da parceria de quatro organizações, que são:

  • Carbon Disclosure Project (CDP);

  • Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU);

  • World Resources Institute (WRI);

  • World Wide Fund for Nature (WWF). 

Dessa junção, foram estruturados os pilares que sustentam as metas baseadas na ciência, sendo:

  • elaboração de diretrizes, ferramentas e métodos que norteiam a implementação do conceito;

  • incentivo à participação das empresas na fase de elaboração das metas;

  • verificação, avaliação e validação das metas definidas;

  • divulgação de dados e informações relacionadas às iniciativas das companhias participantes do processo.

Segundo dados citados no próprio site Science Based Targets, em 2021, mais de 4 mil organizações de variados países já estavam trabalhando com iniciativas SBTi. 

Quais são os benefícios da adoção de padrões SBTi?

Agora que ficou claro o que é SBTi e como funciona, vale a pena conhecer quais vantagens sua empresa pode alcançar ao se adequar às metas baseadas na ciência.

Para isso, tomaremos como base uma pesquisa da Science Based Targets que revelou os cinco principais benefícios da adequação ao conceito. São eles:

  • melhora da reputação da marca;

  • aumento da confiança dos investidores;

  • resiliência às regulamentações;

  • crescimento do potencial inovador da companhia;

  • redução de custos.

Veja mais detalhes sobre cada vantagem a seguir. 

1- Melhora da reputação da marca

Para 79% dos executivos entrevistados, a melhora da reputação da marca é um dos maiores retornos positivos da implementação das metas baseadas na ciência. 

Um dos principais motivos para essa percepção é que os consumidores estão cada vez mais conscientes sobre o quanto o consumo ético importa e impacta na proteção ao meio ambiente.

2- Aumento da confiança dos investidores

Da mesma forma que boas práticas ESG afetam as tomadas de decisão de consumidores, também afetam a dos investidores.

Quanto a isso, 52% dos entrevistados do levantamento afirmaram que um dos benefícios da adoção de SBTi foi o aumento da confiança por parte dos investidores.

3- Resiliência às regulamentações

Outro ponto positivo da implementação do conceito é o fato de que a empresa eleva sua adaptabilidade a leis e regulamentações ambientais, tanto as vigentes quanto as futuras. Ao menos, essa é a constatação de 35% dos executivos participantes da pesquisa da SBTi. 

4- Crescimento do potencial inovador da companhia

Entre os entrevistados, 50% esperam que a adoção das metas baseadas na ciência contribua para que ao menos metade de seus produtos e/ou serviços seja de baixo carbono até 2030.

Para outros 63%, somente definir as metas já contribui para impulsionar processos de inovação na companhia.

5- Redução de custos

Ainda que adotar processos ecológicos gere altos custos no início das operações, 26% dos executivos participantes da pesquisa afirmam que já visualizam reduções de custos em suas atividades.

Entre as razões, está a implementação de processos mais enxutos e eficientes, que ajudam a gerar menos gastos operacionais ao mesmo tempo em que zelam pelo meio ambiente.

Como aderir às metas SBTi?

Todas as empresas, de todos os setores e portes, podem aderir às metas SBTi. Para isso, a orientação é seguir estas cinco etapas:

  • assumir o compromisso por meio do envio de uma carta à Science Based Targets Initiative, relatando a intenção de definir metas baseadas na ciência para o negócio;

  • desenvolver as metas se baseando nos critérios da SBTi para redução de emissão de gases de efeito estufa;

  • apresentar as metas definidas, enviando para a Science Based Targets o planejamento, que será validado pela entidade;

  • comunicar os stakeholders após a aprovação da SBTi. As metas são publicadas no site da instituição e a empresa recebe orientações de como apresentá-las aos seus interessados;

  • divulgar os resultados anualmente, a fim de mostrar o progresso obtido com a iniciativa.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Qual a relação entre SBTi e gestão de fornecedores?

Ficou claro o que é SBTi e a importância das metas baseadas na ciência para as empresas e para o meio ambiente? Talvez a pergunta que esteja na sua mente agora seja: "O que esse conceito tem a ver com a gestão de fornecedores da minha empresa?".

Como dissemos logo na abertura deste artigo, saber o que é SBTi é importante para o crescimento do seu negócio e para a adequação a boas práticas ESG. 

Entretanto, não basta que somente a sua companhia se atente a esse conceito. 

Para que a prática realmente traga resultados para seus processos, é fundamental que seus fornecedores sigam a mesma linha de raciocínio. Do contrário, há grandes chances de o seu negócio ter que enfrentar riscos ambientais, reputacionais, financeiros, de desabastecimento, entre outros relacionados.

Uma forma de saber se os fornecedores que já compõem sua cadeia de abastecimento — bem como aqueles que ainda serão contratados —, adotam o conceito ESG nos processos realizados, é por meio de uma avaliação pontual das condutas e documentos apresentados, a exemplo dos selos de sustentabilidade.

Quanto a isso, a Linkana pode ajudar você!

Como a Linkana ajuda na avaliação de riscos ESG de fornecedores?

A Linkana é a primeira fundação de dados de fornecedores compartilhada do Brasil. Nossa base de dados de perfis universais de fornecedores permite que compradores analisem e homologuem potenciais parceiros comerciais em alguns cliques. 

Com isso, aceleramos radicalmente os processos de onboarding, de análise e de monitoramento de fornecedores — graças aos dados dos fornecedores já preenchidos por eles ou por outra empresa —, permitindo o uso de dados e insights compartilhados entre as maiores corporações do nosso país.

No que se refere à avaliação de riscos ESG de fornecedores, você pode contar com o Linkana ESG Exposure Index. A ferramenta mensura automaticamente o nível de exposição a riscos socioambientais e de governança que uma empresa fornecedora oferece para a sua. Também checa a existência de eventuais licenças obrigatórias e certificações desejáveis para a execução das atividades econômicas.

Quer mais detalhes de como a solução funciona? Então preencha o formulário abaixo agora mesmo e entre em contato com um dos nossos especialistas.

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market