Resources

Compliance

Compliance

Compliance

GRC: o que é e qual o impacto na sua empresa?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

November 30, 2023

November 30, 2023

November 30, 2023

GRC é a sigla para governança, risco e conformidade, termos que, juntos, apontam os gerenciamentos necessários para uma empresa atuar de forma segura, com processos, condutas e atividades alinhados a normas, leis e estatutos, se protegendo de ameaças que podem afetar seu crescimento.

Ao montar uma estrutura GRC no seu negócio, você tem a chance de alcançar benefícios como mitigação de riscos, garantia de transparência, construção de uma imagem positiva da marca perante stakeholders, entre diversas outras vantagens.

Porém, para se beneficiar assim, é fundamental se atentar a um detalhe: sua empresa não se faz sozinha. Por esse motivo é preciso que todos os elos que a compõem também atuem nos parâmetros de governança, risco e conformidade.

Funcionários, sócios e fornecedores, por exemplo, precisam trabalhar sob boas condutas e comportamentos, sempre de acordo com as leis. 

Somente dessa forma você evita que sua marca seja acusada de responsabilidade subsidiária ou apontada como conivente em atos ilícitos, duas situações que afetam consideravelmente a credibilidade e confiabilidade da sua companhia.

E como fazer esse acompanhamento? Como saber se as empresas fornecedoras que estão na sua rede de abastecimento trabalham dessa maneira? O primeiro passo é saber como aplicar GRC no seu negócio.

Sobre isso, falaremos agora, neste artigo. Portanto, siga a leitura e confira todos os detalhes!

O que é GRC?

GRC pode ser definido como uma metodologia que integra os conceitos de governança, riscos e conformidade (compliance) em todos os processos de uma empresa. O objetivo é garantir que as atividades corporativas sejam realizadas conforme as leis, e de maneira a mitigar possíveis ameaças que afetam seu crescimento.

Ao adotar essa estrutura, a atuação da companhia se alicerça nesses três pilares, o que ajuda a organizar as operações realizadas, atingir mais transparência nos processos, melhorar a performance e, até mesmo, identificar ameaças previamente.

Para ajudar você a entender esse conceito explicaremos, agora, o que contempla cada uma de suas partes.

Governança

A governança corporativa é o conjunto de regras, políticas e diretrizes internas que ajudam uma empresa a atingir seus objetivos com transparência e honestidade. 

Nesse contexto, estão inseridas as responsabilidades de cada uma das partes interessadas, especialmente gestores, diretores, alta administração e demais membros que tomam decisões pelo negócio.

Risco

Por riscos entenda todas as ameaças às quais uma companhia está sujeita. É certo que cada segmento tem riscos característicos, mas, em linhas gerais, praticamente todos os negócios estão passíveis de:

Dica! Aproveite e leia este artigo: "Gestão de riscos de fornecedores: TUDO sobre como mitigar ameaças!"

Conformidade (compliance)

Conformidade, ou compliance, é o atendimento de leis, normas e regulamentações. O objetivo é garantir que todos os processos do negócio sejam realizados legalmente, sem infringir nenhuma legislação vigente.

Quanto a esse pilar, é preciso considerar que não somente as atividades empresariais devem estar alinhadas a esses parâmetros, mas também a conduta e comportamento dos fundadores, sócios, investidores, funcionários e parceiros de negócio.


Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.


Quais as vantagens de GRC para as empresas?

Como comentamos logo na abertura deste artigo, adotar a estrutura de governança, risco e conformidade traz diversas vantagens para sua empresa, começando pela garantia de que estará trilhando o caminho certo, rumo a uma rota de crescimento segura.

Somado a essa, alguns outros benefícios desse conceito são:

  • conquista de mais transparência nas operações;

  • aumento da percepção de valor da marca pelos stakeholders;

  • maior proteção a diversos riscos;

  • mais eficiência e segurança na execução dos processos;

  • redução de gastos extras, a exemplo das penalidades financeiras sofridas devido ao descumprimento de leis.

Temos outro artigo que também ajudará você. Confira! "Conheça os 4 pilares da governança corporativa adotados por multinacionais e quais seus benefícios"

Como aplicar GRC?

Uma das formas de levar essa estrutura para sua empresa é utilizando o chamado "mapa de capacidade de GRC". Trata-se de uma ferramenta com as diretrizes que devem ser seguidas para a implementação desse conceito.

Por meio desse mapa da capacidade de governança, risco e conformidade é possível melhorar a comunicação interna, promover o treinamento dos profissionais e ajustar as políticas e mindset da companhia.

Esse recurso é formado por quatro passos principais:

  • 1° aprender: entender mais a fundo esse conceito, bem como a cultura e os valores da empresa;

  • 2° alinhar: relacionar a percepção anterior aos parâmetros GRC, identificando também oportunidades de melhoria no cenário de governança, risco e conformidade, criando um plano de ação;

  • 3° realizar: colocar o planejamento em prática, acompanhando de perto seus resultados e fazendo ajustes sempre que necessário;

  • 4° analisar: de tempos em tempos revisar a estrutura, adequando aos novos acontecimentos, tais como crescimento da empresa e mudanças regulatórias.



Qual a relação entre GRC e gestão de fornecedores?

Lembra que falamos que a estrutura governança, risco e conformidade não se limita à atuação da sua empresa, e que é necessário que todos os agentes que a compõem também sigam essa mentalidade?

Pois bem, um ótimo exemplo são os fornecedores que você traz para sua cadeia de abastecimento. Se, porventura, fechar parceria com empresas envolvidas em práticas ilícitas, ou  que descumprem leis e normas, os riscos para o seu negócio aumentam consideravelmente.

Mesmo que a sua marca não tenha nenhuma participação em eventos como esses, ao ter contrato firmado com esses fornecedores, a reputação da sua companhia pode ser manchada. 

Quando isso acontece, o relacionamento com clientes, investidores, outros parceiros de negócio, e até mesmo a sociedade de maneira geral é afetada. Como consequência, seu crescimento e lucratividade são atingidos.

Percebe a importância de somente trazer para sua rede de suprimentos fornecedores idôneos? Porém, como garantir essa característica, especialmente em empresas que têm uma base de fornecedores robustas? A melhor maneira é contando com a ajuda da tecnologia!

Como a Linkana ajuda a qualificar seus fornecedores?

A Linkana é a primeira fundação de dados de fornecedores compartilhada do Brasil. Nossa base de dados de perfis universais de fornecedores permite que compradores analisem e homologuem fornecedores em alguns cliques. 

Com isso, aceleramos radicalmente processos de onboarding, de análise e de atualizações de fornecedores — graças aos dados dos fornecedores já preenchidos por eles ou por outra empresa —, permitindo o uso de dados e insights compartilhados entre as maiores corporações do nosso país.

Que tal entender, em detalhes, como essas soluções funcionam? Basta preencher agora mesmo o formulário abaixo!


Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market