Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Fornecedores da construção civil: como selecionar? Confira o passo-a-passo!

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

February 27, 2022

February 27, 2022

February 27, 2022

Saber como encontrar e selecionar os fornecedores da construção civil é uma tarefa altamente desafiadora. Muito mais complexo do que a busca pelo menor preço, a compra de materiais e serviços no setor exige um cuidado especial com as práticas de compliance.

A conduta em conformidade com as normas do setor ganha o status de prioridade ao percebermos os riscos de suprimentos de baixa qualidade, o alto padrão estabelecido na NBR 15.575, que fala sobre os parâmetros mínimos para edificações habitacionais, e as relações trabalhistas que permeiam o setor.

Em contrapartida, a aplicação de um programa de compliance na construção traz destaque e valorização para o empreendimento e as organizações envolvidas. Por meio desse processo, a credibilidade e mitigação de riscos são pontos que podem atingir alto nível de excelência.

Confira os principais critérios que precisam ser considerados, junto do passo-a-passo de 6 etapas de como selecionar fornecedores na construção civil, tudo para assegurar o melhor custo-benefício nas aquisições, gerenciar os riscos e maximizar os lucros.

Desafios de selecionar fornecedores da construção civil

De modo geral, a cadeia de suprimentos na construção civil está sujeita a uma série de riscos e eventos adversos, que precisam de atenção para encontrar as melhores soluções e preservar a saúde do empreendimento.

Entre os principais riscos e desafios envolvendo fornecedores do ramo de construções, podemos citar:

  • risco à segurança dos trabalhadores contratados e terceirizados;

  • possibilidade de falta de capital ou instabilidade financeira;

  • descumprimento das obrigações fiscais e trabalhistas;

  • riscos ambientais e regulatórios;

  • custo e tempo gasto com seguro e manutenção de equipamentos;

  • impacto de falta de produtividade no cronograma;

  • falta de conduta ética na execução do projeto;

  • uso criminoso de mão de obra infantil ou alusiva à escravidão;

  • riscos de reputação e imagem;

  • ausência de programas de prevenção de acidentes e cuidado com a saúde física e mental dos trabalhadores.

Ao pensar em como selecionar os fornecedores da construção civil, a gestão do projeto precisa direcionar esforços para bloquear ou atenuar a concretização e o impacto desse tipo de evento no decorrer da sua operação. 

Como selecionar fornecedores da construção civil: 6 passos

Antes de considerar fatores como preço, qualidade e condições de pagamento, o passo-a-passo para selecionar fornecedores da construção civil aptos para atender sua demanda e mitigar os riscos citados começa sua jornada.

O início acontece com a busca por possíveis candidatos, passa pela matriz de risco e culmina na listagem de parceiros homologados, que devem ter sua operação constantemente monitorada. Entenda:

Passo 1. Matriz de risco e segmentação por tipo de produto ou serviço

A primeira etapa é a realização da matriz de risco, classificando cada produto ou serviço necessário para execução de um projeto quanto ao risco de abastecimento e a probabilidade de eventos negativos acontecerem.

Esse passo é crucial para definir a ordem de prioridade ideal para o projeto, ou seja, identificar os itens que merecem maior investimento financeiro para assegurar sua aquisição.

Passo 2. Processo de qualificação de fornecedores

Podemos delimitar o processo de qualificação de fornecedores como o próximo passo para montar uma cadeia de suprimentos na construção civil. Isso acontece para avaliar os candidatos quanto às boas práticas de compliance e governança corporativa, algo que pode evitar muitos riscos ao longo do caminho.

Falhas operacionais por falta de infraestrutura, reputação manchada por negociação com empresas que estão na lista suja do trabalho escravo, embargos ambientais por falta de licença, responsabilização solidária em processos trabalhistas, entre outros, são exemplos de ameaças que podem ser evitadas.


Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Passo 3. Pré-negociação para avaliar prazos, condições de pagamento e outros fatores

Antes mesmo de iniciar a negociação com fornecedores da construção civil, é interessante obter um orçamento prévio, que deixa claro a política de preços, condições de pagamento, prazos de execução das atividades e outros detalhes definidos pela empresa contratada.

Essa documentação serve para comparar as opções antes de dar início a negociação, além de servir como ponto de partida para a mesma, caso o fornecedor seja selecionado entre os demais.

Passo 4. Seleção do melhor custo-benefício

Dentro do passo-a-passo para seleção de fornecedores na construção civil, é importante destacar os critérios que são relevantes para fazer a escolha. 

O melhor fornecedor não é simplesmente aquele que entrega o menor preço. É essencial priorizar a relação custo-benefício, avaliando o custo, formalidade da empresa, desempenho em compliance, certificações obtidas e qualidade geral do serviço ou item vendido.

Em especial, no que diz respeito à certificações, programas de gestão de qualidade como o ISO 9000 e ISO 9001, proteção ambiental com a ISO 14001, entre outras, são as mais atrativas e valorizadas.

Teoricamente, é nessa etapa que a empresa compara as organizações homologadas e propostas iniciais para selecionar os fornecedores no ramo da construção civil. No entanto, o trabalho continua mesmo após essa decisão, tanto para avaliar o desempenho quanto buscar a fidelização dos parceiros.

Passo 5. Histórico de preços e desempenho

A curto prazo, é importante acompanhar a avaliação de desempenho dos fornecedores, para assegurar que os contratos estão sendo cumpridos e que a parceria está entregando os benefícios esperados. 

Também é relevante registrar o histórico de preços praticados, que servem de base para novos pedidos e revisar a relação custo-benefício com o passar do tempo.

Passo 6. Monitoramento de fornecedores

Por fim, temos a etapa de monitoramento de fornecedores homologados, que consiste em revisar os documentos e certificados fornecidos no processo de qualificação, assegurando que a empresa contratada se mantém em conformidade com as normas e práticas exigidas pelo mercado.

Como certificados e documentos costumam ter prazo de validade, é essencial notificar o fornecedor sobre a necessidade de renovação, mantendo uma cadeia de suprimentos atualizada e segura o tempo todo.

Viu só, é assim que se faz a seleção de fornecedores na construção civil, identificando os riscos, demandas e expectativas gerais do mercado, para então analisar os candidatos e escolher os melhores entre eles.

É uma atividade de fluxo simples, porém, cada etapa requer conhecimento específico e o uso de ferramentas para otimizar o seu desempenho. O momento é positivo para isso, considerando o avanço e os benefícios que a transformação digital proporcionou para a gestão empresarial.

Faça tudo em um só lugar: conheça a Linkana!

Falando no uso de soluções tecnológicas e inteligentes, você precisa conhecer o software de gestão de fornecedores, uma ferramenta única e repleta de recursos que tornam a seleção e monitoramento da cadeia de suprimentos em uma atividade muito mais ágil e assertiva.

Você só precisa do CNPJ do fornecedor para cadastrá-lo na plataforma, o que dá início a uma consulta automatizada de documentos públicos, primeiro passo para mitigar riscos e garantir o compliance. Depois, suas funcionalidades visam facilitar o acompanhamento e a comunicação com os parceiros da sua empresa.

Preencha o formulário abaixo e receba uma demonstração gratuita da plataforma:

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market