Gestão de fornecedores em cloud computing: 5 pontos a considerar

Uma boa gestão de fornecedores em cloud computing — em português, computação em nuvem —, ajuda a encontrar parceiros para a oferta dessa solução, a qual contribuirá para que a empresa expanda a sua capacidade de armazenamento e processamento de dados, gerando muito mais produtividade e aumentando o seu poder competitivo.

Sobre isso, vale destacar que o uso da tecnologia deve ser visto como parte da estratégia de crescimento do negócio. O motivo é que esse recurso otimiza diversos processos, o que comumente resulta na redução de custos operacionais, bem como insere a companhia em um ecossistema digital moderno e atualizado.

Entretanto, por mais benéfica que as soluções de computação em nuvem sejam, há alguns desafios que o time de compras e procurement precisa enfrentar antes de contribuir para que a empresa alcance bons resultados com esse recurso.

Por exemplo, alguns dos principais pontos de atenção incluem compliance, desempenho, capacidade, segurança e privacidade de dados. 

Considerando isso, o que os responsáveis pela gestão de fornecedores em cloud computing podem fazer para resolver esses entraves e escolher o melhor provedor possível para o negócio? 

É justamente sobre isso que falaremos agora, neste artigo. Por isso, siga a leitura e confira!

Como fazer uma boa gestão de fornecedores em cloud computing?

Para uma boa gestão de fornecedores em cloud computing, alguns pontos precisam ser considerados. Entre os principais estão:

  • compliance
  • garantia de migração segura
  • desempenho e capacidade
  • identificar o tipo de serviço certo
  • segurança e privacidade de dados

Compliance

É primordial que o fornecedor de computação em nuvem esteja em plena conformidade com os regulamentos e as regras pertinentes a cada setor econômico. 

Um bom exemplo é o HIPAA, Health Insurance Portability and Accountability Act, que em português significa Lei de Portabilidade e Responsabilidade de Seguros de Saúde, que é específico para gestão de fornecedores para a área de saúde em cloud computing.

Outras certificações de conformidade são:

  • PCI-DSS: Payment Card Industry Data Security Standard – Padrão de Segurança de Dados da Indústria de Pagamento com Cartão
  • FedRAMP: Federal Risk and Authorization Management Program – Programa Federal de Gerenciamento de Riscos e Autorização dos EUA
  • GDPR: General Data Protection Regulation — Regulamentação Geral de Proteção de Dados (europeu)
  • FIPS 140-2: Federal Information Processing Standard Publication 140-2 –  padrão de segurança de computador do governo dos EUA.

Garantia de migração segura

O processo de migração dos servidores físicos para a nuvem é um motivo (justificável) de preocupação na gestão de fornecedores em cloud computing. Na hora de contratar esse terceiro, é fundamental que haja garantia nesse processo, de modo que absolutamente nenhum dado ou informação seja perdido.

Além disso, é necessário considerar o tempo que essa etapa demorará para ser concluída e quais os riscos de isso afetar o fluxo natural do trabalho da empresa.

Desempenho e capacidade

A solução de computação em nuvem contratada precisa ter capacidade para receber, armazenar e processar o volume total de dados gerados diariamente pela empresa. 

Somado a isso, é essencial que tenha eficiência suficiente para contribuir com a escalabilidade do negócio, ou seja, conseguir acolher um fluxo maior de informações conforme esse volume aumenta.

No que se refere ao desempenho, na tecnologia cloud computing há um termo chamado downtime, que se refere ao tempo corrido de queda dos serviços. Em suma, quanto maior esse período, maior a inatividade do negócio, comprometendo o andamento dos seus processos.

O time responsável pela gestão de fornecedores para plataformas de cloud precisa verificar, antes de firmar contrato com o provedor, o SLA (Service Level Agreement), que em português é chamado de Acordo de Nível de Serviço. 

Trata-se do compromisso do prestador de serviço em nuvem sobre a entrada do máximo de tempo possível de funcionamento do servidor.

Identificar o tipo de serviço certo

Outro ponto que a gestão de fornecedores para cloud commerce precisa verificar é qual o tipo de serviço em cloud computing ideal para a empresa.

Entre os modelos de computação em nuvem estão:

  • nuvem pública: comumente mais barata, possibilita o compartilhamento dos recursos entre diferentes usuários. Por conta disso, pode ter limitações de segurança e performance;
  • nuvem privada: geralmente tem custo mais elevado, porém, entrega recursos computacionais exclusivos para o contratante;
  • nuvem híbrida: mescla a versão pública e a privada, equilibrando os prós e os contras de cada um dos tipos de nuvens.

Já no que se refere formato de entrega desses recursos, as principais opções são:

  • SaaS (Software como Serviço): o fornecedor do software é o responsável por toda a estrutura necessária para entrega e uso da solução;
  • FaaS (Função como Serviço): criação, execução e gerenciamento de pacotes de aplicações como função, sem que o contratante precise se preocupar com infraestrutura;
  • PaaS (Plataforma de Aplicações como Serviço): serviço de implementação e hospedagem de software e hardware;
  • IaaS (Infraestrutura como Serviço): oferta de recursos de hardware como recurso de processamento, armazenamento, memória, entre outros.

Segurança e privacidade de dados

E tão importante quanto os outros pontos, a gestão de fornecedores em cloud computing também precisa considerar as bases legais da LGPD, Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais antes de fechar contrato com o terceiro.

O motivo já é conhecido de todos os gestores: a guarda, o uso e/ou o tratamento incorreto de dados dos clientes é possível de multas, bem como da abertura do processo por parte dos titulares que foram prejudicados com essa falha.

Desse modo, o provedor de cloud computing precisa comprovar para o contratante que está em conformidade com essa lei. Além disso, deve apresentar quais são as medidas de segurança aplicadas em sua solução que garantem a proteção dos dados da empresa e dos clientes.

eBook
Gestão de Fornecedores

Aprenda como fazer uma gestão de fornecedores inteligente e guiada por dados na sua empresa.

A Linkana pode ajudar na gestão de fornecedores para plataformas de cloud?

Sim! A Linkana pode ajudar na gestão de fornecedores de plataformas de cloud por ser o primeiro e maior software de gerenciamento de provedores em rede que otimiza o sourcing, onboarding e análise de spend com uma base de dados unificada de perfis de fornecedores certificados para cadastro, risco, qualidade e diversidade.

Entre as principais vantagens estão:

  • conseguir identificar rapidamente quem são os fornecedores diversos da sua empresa;
  • usar dados para tomadas de decisão;
  • controlar melhor os riscos;
  • receber insights em tempo real;
  • otimizar o processo de homologação, reduzindo em até 90% o tempo gasto nessa tarefa.

Quer saber como ter a Linkana na sua empresa? Basta preencher o formulário abaixo!

Leo Cavalcanti

Leo Cavalcanti

Advogado, especialista em Planejamento Tributário e Finanças, soma mais de 05 anos de experiência com rotinas de auditoria empresarial e tributária, além de conhecimento em controladoria e práticas de departamento jurídico corporativo. Atualmente é CEO e um dos co-fundadores da Linkana.

Ebook

Diversidade de Fornecedores

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores. Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Podcast

Procurement Hero

Líderes e referências do mercado de procurement batem um papo sobre tecnologia, dados e tendências.

Teste
Descubra se você é um comprador do futuro!

Tenha acesso a um guia completo de como estruturar o seu programa de diversidade de fornecedores.Veja erros, acertos, cases de sucesso e boas práticas do mercado!

logo linkana

Ferramenta

Consulta de CNPJ

Encontre o CNPJ e mais 10 outros dados de fornecedores em segundos.

logo linkana

Ebook

Gestão de Fornecedores

Descubra como fazer um gestão de fornecedores inteligente e guiada por dados na sua empresa!