Resources

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Gestão de Fornecedores

Fornecedores diversos: o que são e como inseri-los na sua empresa?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

January 12, 2023

January 12, 2023

January 12, 2023

As transformações no mundo corporativo resultaram em diversas categorias para análise do setor de compras. O conceito étnico expandiu não somente para empresas de grande porte, bem como para grupos minoritários, que englobam mulheres, negros, LGBTQIA+ e pessoas com deficiência (PCd), que são fornecedores diversos.

Nos Estados Unidos, por exemplo, teve início a tradição de programas de diversidade de fornecedores para intensificar a integração de todos os grupos. 

Em novembro de 2021, o país tornou permanente a U.S. Department of Commerce Minority Business Development Agency (MBDA), agência do governo americano dedicada ao crescimento e à competitividade de negócios controlados por grupos minoritários.

De acordo com a agência, existem mais de 9 milhões de negócios controlados por grupos minoritários nos Estados Unidos, que empregam mais de 8 milhões de pessoas e geram 1,8 trilhões de dólares em receitas anualmente.

Mas a ação não fica somente longe do nosso país. Em 2021, a Câmara LGBT lançou o primeiro programa no Brasil para destacar fornecedores LGBTQIA+, visando promover a diversidade na cadeia de suprimentos por meio de uma política de fomento para micro, pequenas e médias empresas com capital societário LGBTQIA+ acima de 51%.

Ao longo deste artigo, vamos explicar o que são fornecedores diversos, sua importância, ainda, e como contratá-los para o seu negócio. Continue com a gente!

O que são fornecedores diversos?

Em suma, fornecedores diversos são constituídos de empresas de pequeno porte, de profissionais com deficiência, sem incentivos, de grupos LGBTQIA+, negros e mulheres, ou seja, que não são caracterizados como padrão geral da sociedade corporativa.

Segundo o líder da Mondelez Brasil, Gil Alencar, um dos cases de sucesso da Linkana, a definição de fornecedores diversos pode variar a depender da empresa e sua geografia. Ele acredita que o objetivo de um programa de diversidade e inclusão está baseado no poder socioeconômico que as empresas podem gerar nos grupos.

Logo abaixo, elencamos os tipos de fornecedores diversos. Confira!

  • Small Business Enterprises (SBEs): também conhecidos como micro e pequenas empresas, são empreendimentos de pequeno porte e com menor poder aquisitivo, avaliados com base em critérios como faturamento e pouca quantidade de funcionários.

  • Minority Business Enterprises (MBEs): ou empresas controladas por grupos minoritários, são aquelas lideradas por pessoas negras, por exemplo, desde que tenham 51% da propriedade.

  • Women Business Enterprises (WBEs): são empresas controladas por mulheres, com 51% de propriedade e administração de pessoas do sexo feminino. Segundo um levantamento de 2017 da Organização das Nações Unidas (ONU), este segmento é representado por apenas um terço dos negócios no mundo, e somente 1% dos gastos corporativos globais se beneficiam com essas empresas.

Empresas em zonas historicamente subutilizadas 

Nos Estados Unidos, foi criado o programa HUBzone para pequenos negócios que empregam pessoas em zonas geográficas pouco aproveitadas.

Apesar de ainda não existir um critério equivalente, no Brasil, a Linkana usa o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) para avaliar as regiões que implementam projetos de fornecedores diversos.

Assim, o ponto de partida da Linkana é considerar uma zona historicamente subutilizada, um município ou região de fornecimento com IDH abaixo da média nacional, além de obrigatoriamente avaliar se o fornecedor é uma SBE.

Quem é elegível para se tornar um fornecedor diverso?

São vários os grupos que fazem parte de um programa de diversidade de fornecedores. Confira abaixo quais são os tipos de fornecedores que se encaixam nesse segmento:

  • empresas de propriedade de veteranos com ou sem deficiência;

  • pequenas empresas;

  • pequenas empresas sem incentivos;

  • empresa de pequeno porte que operam em uma HUBZone;

  • estabelecimentos controlados por minorias (afro-americanos, nativos, asiático-americanos ou hispano-americanos);

  • empresas controladas por mulheres;

  • empresas administradas por membros da comunidade LGBTQIA+.

Por que contar com fornecedores diversos? 

A escritora Dr. Elouise Epstein é enfática em seu livro Trade Wars, Pandemics and Chaos: “diversidade não é mais uma escolha”. Isso denota que contar com fornecedores diversos já faz parte do cotidiano das empresas, e não se ater a esse movimento pode ser prejudicial para o bom andamento dos negócios.

Para exemplificar, o Black Lives Matter (BLM) ganhou dimensão em 2020 diante das diversas tragédias ocorridas naquele ano. A partir daí, as empresas começaram a levar mais a sério os problemas relacionados à injustiça social e ao racismo.

O Starbucks, por exemplo, perdeu clientes quando teve que recuar de um comunicado atrapalhado no qual proibia manifestações e camisetas BLM pelo seu quadro de funcionários.

Neste caso, a empresa foi atacada por consumidores nas redes sociais e nas ruas, que queriam boicotar as lojas espalhadas pelo mundo.

Situações como essa provocaram reflexões de empresários, mostrando que quem não se preocupa com a diversidade pode sofrer represálias e prejuízos.

Mais diretamente, esse movimento fica evidente em números:

  • 64% dos millennials comprovam que não trabalhariam em empresas de baixa responsabilidade social, como diz a pesquisa da consultoria global McKinsey & Company;

  • 49% dos indivíduos que conheciam as iniciativas de fornecedores da Coca-Cola eram mais propensos a usar produtos da marca, conforme um estudo de 2019.

Quais os benefícios trazidos pelos fornecedores diversos?

A diversidade de fornecedores ajuda a criar espaços mais ricos, gerando oportunidades de empregos para minorias e trazendo novos insights, o que colabora não apenas para atender às expectativas da contratante, mas superá-las.

Onde encontrar fornecedores diversos?

Além de contar com a tecnologia, ponto no qual voltaremos mais adiante, uma forma de selecionar fornecedores diversos é por meio de entidades de fomento. Elas facilitam o acesso de compradores aos parceiros, bem como oferecem certificações que dão mais credibilidade aos critérios de empresas diversas.

A seguir, conheça os principais órgãos com campo de atuação nacional:

Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil (Câmara LGBT)

A Câmara LGBT é uma associação sem fins lucrativos brasileira que foca em desenvolver relações de negócios entre pessoas e empresas da Comunidade LGBT. 

A iniciativa faz parte do projeto global da National LGBT Chamber of Commerce dos Estados Unidos (NGLCC), que congrega as Câmara LGBTs que trabalham com programas de fornecedores diversos.

Segundo Ricardo Gomes, presidente da Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil, o programa empodera novas oportunidades para fornecedores LGBTs, construindo uma cadeia de negócios onde empresas cresçam e ampliem suas contratações.

Integrare

Criada em 1999, a Integrare é uma organização sem fins lucrativos que se dedica a promover a inclusão de fornecedores provenientes de grupos sub-representados.

Basicamente, ela incentiva empreendedores afrodescendentes, pessoas com deficiência ou indígenas a tornarem-se fornecedores de grandes empresas, aumentando sua participação e competitividade na cadeia produtiva.

RME – Rede Mulher Empreendedora 

A RME – Rede Mulher Empreendedora  é a primeira e maior plataforma de apoio às mulheres empreendedoras ou que querem empreender no Brasil.

Criada em 2010, atualmente conta com 1 milhão de participantes conectadas, e já impactou a vida de mais de 9 milhões de mulheres.

Para Célia Kano, a co-CEO da RME, o propósito da fundação é apoiar as mulheres na busca por autonomia econômica e geração de renda, com capacitações, conteúdo qualificado, conexões, mentorias, marketplaces, programas de aceleração e acesso ao capital.

WEConnect International

A WEConnect International é uma rede global que conecta empresas de propriedade de mulheres a compradores em todo o mundo. A WEConnect é uma das poucas entidades com representação no Brasil desde 2015.

É a única organização aqui no Brasil que oferece a certificação Empresa de Mulher, que avalia se pelo menos 51% da empresa realmente pertence a uma ou mais mulheres.

Ao conseguir a certificação, as empresárias recebem convites para foros e eventos com compradores corporativos. Seu diretório global possui mais de 5.000 empresas que pertencem a mulheres.

Também oferecem capacitações e rodadas de negócios sempre com o intuito de promover o crescimento de empresas de mulheres.

É possível se registrar gratuitamente para acessar a rede de mulheres empresárias do WEConnect e conferir os programas de capacitação.

Como contratar fornecedores diversos? 

Confira abaixo 5 estratégias de como sua empresa pode contratar fornecedores diversos.

1. Comece pelos dados 

Enumere as características principais para escolher seus fornecedores, como:

  • onde eles estão;

  • como operam;

  • atuam de forma inclusiva;

  • qual categoria vai o orçamento.

A partir daí, você já constrói uma base para saber em que área focar e que grupo priorizar. E, se quiser facilitar essa busca, conte com as ferramentas Consulta CNPJ e ESG Rating da Linkana.

2. Use seu networking

O networking é o gatilho principal para encontrar os tipos de fornecedores diversos que deseja. Portanto, converse com empresas parceiras, além de participar de eventos e ações de impacto.

3. Cuide-se da "lavagem da diversidade"

O termo em inglês diversity washing se refere a empresas que atendem às demandas de diversidade, no entanto, não exercem nenhuma prática inclusiva em seus ambientes internos.

Por isso, analise com cautela a composição da estrutura geral e de liderança deste potencial parceiro, de olho nos 51% representativos, e se ele tem programas em andamento para ser mais diverso, equânime e inclusivo.

4. Repare nas suas políticas e práticas de contrato

O saving no seu orçamento não precisa ser o foco para contratar ou não fornecedores diversos. Você deve se conscientizar sobre a importância de contar com parcerias diferentes no seu negócio.

Portanto, avalie suas políticas antes de fechar um contrato com fornecedores diversos. Não faça propostas com valores muito baixos e atente-se também para não demandar mais do que o combinado.

5. Compartilhe suas ações com responsabilidade 

Construir seus projetos internos de diversidade e inserir práticas inclusivas conta pontos no mercado. Esse movimento traz um sentido inverso ao proposto até agora, ou seja, em vez de você ir atrás dos fornecedores, eles irão até você.

Uma pesquisa feita para a Coca-Cola sobre o impacto do seu programa de fornecedores diversos provou que:

  • 52% das pessoas respondentes afirmaram querer trabalhar para uma empresa que possui um programa de compras inclusivas;

  • pessoas que sabiam que a Coca-Cola tem um programa de compras inclusivas tinham 45% mais probabilidade de reconhecer a marca como valorizadora da diversidade;

  • 25% tinham a probabilidade de enxergar a marca de forma mais positiva;

  • 49% tinham a probabilidade de consumir os produtos da marca.

A importância de programas de fornecedores diversos 

O CEO da Linkana, Leo Cavalcanti, considera que um bom programa de diversidade no Brasil enfrenta o desafio de equilibrar a credibilidade e a segurança das parcerias com entidades de fomento e certificadoras oficiais. Em paralelo, deve-se considerar a eficiência e acessibilidade de critérios mais flexíveis, como autodeclaração, autocertificação e outras validações inteligentes, baseadas em avanços da tecnologia.

Logo, fazer esse movimento em empresas conservadoras não é um movimento fácil. E, para que a iniciativa evolua, é importante contar com tecnologias de ponta.

Neste caso, a Linkana é uma ferramenta que pode revolucionar a realidade das empresas, gerando maior escalabilidade e automação na coleta, validação e análise de informações de fornecedores diversos. 

A rede de perfis certificados de fornecedores da Linkana é uma excelente fonte de busca e identificação de novos fornecedores diversos, complementando as bases qualificadas das entidades de fomento.

Quer um exemplo?

A Mondelez Brasil recebeu a missão de implementar o Programa de Diversidade de Fornecedores, e, com isso, o Gerente de Procurement, Gilson Alencar, se tornou o Líder de Diversidade & Inclusão de Fornecedores.

Essa ação fez Gil Alencar refletir sobre a importância da inclusão de programas de fornecedores diversos:

“Nas sessões de apresentação da estratégia de compras, as pessoas falam sobre diversidade e inclusão de fornecedores? Essa mudança na organização modifica hábitos, e os compradores buscam cada vez mais entender no mercado as oportunidades de negócios com os grupos diversos.”

Com o projeto Linkana Insights, nossa empresa foi aprovada pela auditoria global da Mondelez como plataforma oficial de identificação e certificação de fornecedores diversos e de economia inclusiva no Brasil.

Com isso, fornecedores certificados contam oficialmente para a meta de spend diverso global da empresa, que pretende gastar um bilhão de dólares por ano com fornecedores diversos até 2024.

Para ter mais conhecimento sobre os programas de diversidade de fornecedores, acesse o nosso ebook:

Sobre a Linkana 

A Linkana é o primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede. Nossa base de dados de perfis compartilhados permite que compradores analisem fornecedores ativos e novos em alguns cliques. Com isso, criamos e geramos valor com insights de informações comerciais, de risco, qualidade e diversidade, utilizados em processos de cadastro, onboarding, sourcing e análise de spend.

Somos o #SRMDoFuturo, feito para o #CompradorDoFuturo.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market