Resources

Compras

Compras

Compras

Addressable Spend: como gerenciar os gastos endereçáveis?

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

Written byLeo Cavalcanti

January 31, 2024

January 31, 2024

January 31, 2024

Addressable Spend, ou gastos endereçáveis, é o termo utilizado para identificar as despesas corporativas possíveis de serem controladas. Geralmente, são aquelas que estão sob a responsabilidade do time de compras e procurement, e que dão margem para a redução de custos.

Como exemplos de gastos endereçáveis, podemos citar a aquisição de matérias-primas, insumos, contratação de serviços terceirizados como logística, limpeza e TI, entre outros.

Todos permitem negociar com os fornecedores, a fim de alcançar o melhor custo-benefício para a empresa, concorda? Com isso, os gestores e profissionais têm nas mãos uma ótima estratégia que ajuda a melhorar a saúde financeira da empresa.

Porém, é preciso lidar também com os chamados "gastos não-endereçáveis", que são aqueles internos e que não permitem negociações, tais como salários e benefícios de funcionários e despesas fixas, tais como contas de consumo e impostos.

Do ponto de vista de compras e procurement, o que mais requer atenção dos times, são os endereçáveis, pois afetam diretamente a lucratividade geral da companhia.

Por esse motivo, é fundamental que os profissionais dessa área saibam identificar boas oportunidades de aquisição, financeiramente falando, sem comprometer a qualidade do que está sendo adquirido.

Como fazer isso? Quais as vantagens do Addressable Spend em procurement? Continue a leitura e confira essas e outras respostas sobre esse importante tema.

O que é Addressable Spend ou gastos endereçáveis?

Addressable Spend é um termo que em português significa gastos endereçáveis. Consiste em todos os custos que uma empresa tem, mas que podem ser controlados e negociados. Fazem parte desse grupo as despesas externas, como aquelas geradas para manter o abastecimento da companhia.

Os gastos endereçáveis precisam estar no radar dos gestores, pois representam uma fatia importante e significativa do orçamento corporativo. Inclusive, dependendo do montante, podem afetar seriamente a lucratividade do negócio, principalmente se não forem gerenciados corretamente.

Apesar de essencial para o funcionamento de qualquer empresa, o Addressable Spend tem a vantagem de ser controlável. Isso quer dizer que é possível trabalhar com valores maiores ou menores, dependendo da situação, necessidade e do que está sendo adquirido/contratado.

Na área de procurement, por exemplo, os gastos endereçáveis abrangem a compra de produtos e a contração de serviços necessários para a continuidade das operações, como já comentamos logo na abertura deste artigo.

Contudo, todas essas aquisições podem ter os valores reduzidos se os profissionais dessa área adotarem boas estratégias de negociação com os fornecedores.

Modernize your supplier management today

Fill out the form below and discover the most complete and integrated SRM platform in Brazil.

Qual a importância de gastos endereçáveis?

Como você já deve ter percebido, o Addressable Spend é fundamental para o sucesso financeiro de um negócio, partindo do equilíbrio dos gastos que podem ser controlados.

Ao conseguir reduzir custos sem comprometer a qualidade das operações, é possível:

  • melhorar a eficiência operacional;

  • aumentar a margem de lucros;

  • elevar o potencial competitivo da marca;

  • conquistar mais espaço no mercado;

  • aprimorar o relacionamento com clientes e fornecedores;

  • trilhar um crescimento financeiro sustentável e contínuo.

Somado a tudo isso, ainda há a vantagem de tomar decisões mais assertivas e da possibilidade de alocar de maneira mais apropriada os recursos financeiros.

Como os gastos endereçáveis permitem o controle, os gestores têm a chance de decidir quais assumir ou não. Inclusive, essa deliberação pode ser feita considerando o cenário geral da empresa e as condições econômicas do mercado.

No que se refere à realocação de valores, é possível partir do princípio que custos bem administrados geram economia. 

Com isso, a tendência é haver sobras financeiras que podem ser remanejadas para atividades e abordagens mais estratégicas, a exemplo da aquisição de novos sistemas para otimizar processos e aumentar a produtividade dos times.

Dica de leitura: "Os 5 melhores softwares de gestão de fornecedores da atualidade"

Qual a diferença entre gastos endereçáveis x gastos não-endereçáveis?

A principal diferença entre gastos endereçáveis e gastos não-endereçáveis é a possibilidade de controle. Enquanto o primeiro permite domínio e administração, o segundo não.

Além disso, o Addressable Spend está sob influência direta da área de compras e procurement, pois é esse setor que realiza a aquisição de insumos e matérias-primas, assim como a contratação de serviços terceirizados para a companhia continuar as operações comerciais.

Ainda que as requisições venham aprovadas de outros departamentos, são os profissionais desse departamento que entram em contato com os fornecedores em busca das melhores ofertas.

Na prática, cabe a esse time negociar e identificar bons preços e condições de pagamento, sem que isso afete negativamente a qualidade do que está sendo adquirido. 

É preciso alinhar também o tempo de entrega do fornecedor às necessidades e demandas da companhia, para garantir que o abastecimento não seja interrompido, pois, quando isso acontece, a tendência é haver problemas nas entregas.

Essas, por sua vez, afetam o relacionamento com os clientes e, consequentemente, a imagem e a reputação da marca e, por fim, o faturamento.

Já os gastos não-endereçáveis, em sua maioria, são de responsabilidade de outros setores, como o financeiro e o de recursos humanos. 

Por se tratar de despesas gerais da empresa, como contas de água, luz, internet, além de pagamento de funcionários, não cabe à área de compras e procurement fazer o gerenciamento.

Quais as principais vantagens dos gastos endereçáveis em procurement?

Falando especificamente de procurement, as principais vantagens do Addressable Spend são:

  1. redução de custos;

  2. melhor aproveitamento do orçamento;

  3. aumento da margem de lucro;

  4. aprimoramento da eficiência operacional;

  5. estreitamento do relacionamento com os fornecedores;

  6. mitigação de riscos;

  7. sustentabilidade financeira.

1. Redução de custos

Certamente, esse é o benefício que mais se destaca. Afinal, é possível controlar e gerenciar esses gastos, além de identificar o melhor momento de assumi-los sem onerar o caixa da empresa.

E quando o sourcing estratégico é utilizado, as chances de reduzir valores são ainda maiores. Um dos motivos é que essa prática é baseada em três pilares, que são o mapeamento, entendimento e avaliação do que precisa ser adquirido.

Isso dá aos profissionais de compras uma visão mais ampla e precisa dos valores, visto que inclui também questões como análise da qualidade dos produtos e serviços, padronização de processos, conhecimento aprofundado sobre a rotina e modo de trabalho dos fornecedores, entre outras particularidades.

2. Melhor aproveitamento do orçamento

Considerando que há a redução de custos, entende-se também que o orçamento separado para as áreas é mais bem aproveitado. 

Como já comentamos, há possibilidade de haver sobras financeiras que podem ser direcionadas para outros pontos que contribuem com o crescimento da empresa. 

Isso também dá aos gestores a chance de buscar investimento em inovação e outras tecnologias, sem gerar novas despesas para a companhia.

3. Aumento da margem de lucro

Todos os gastos com compras e contratação de serviços terceiros refletem diretamente no lucro da empresa. Isso você já deve saber, não é mesmo? Porém, ao trabalhar o Addressable Spend, abre-se a possibilidade de aumentar esse percentual.

A partir de boas negociações com os fornecedores, por exemplo, é possível baixar os preços dos pedidos. Com custos menores no início do processo de fabricação de produtos ou entrega de serviços, o valor final do que é comercializado também é reduzido.

Logo, é possível definir uma precificação que ajuda a manter a competitividade da empresa, atender as expectativas dos clientes e, ao mesmo tempo, conseguir uma boa margem de lucro.

4. Aprimoramento da eficiência operacional

Existem vários motivos pelos quais a eficiência operacional é melhorada com o Addressable Spend, e os principais são:

  • ajustes às restrições orçamentárias que, inclusive, ajudam a mitigar o risco de desabastecimento;

  • identificação de oportunidades de economia que refletem positivamente em toda a empresa;

  • automação de processos, já que a tecnologia é um recurso essencial para o gerenciamento de gastos endereçáveis;

  • comunicação mais clara e transparente entre os departamentos e área de compras, assim como de compras com os fornecedores.

5. Estreitamento do relacionamento com os fornecedores

Por falar em fornecedores, é possível melhorar também o relacionamento com esses parceiros a partir do Addressable Spend. Uma das razões é que é preciso negociações mais pontuais para controlar os gastos, com isso, a comunicação fica mais próxima.

Com conversas pautadas em transparência, profissionalismo, respeito e responsabilidade, a relação com os fornecedores melhora e pode se tornar ainda mais estratégica.

Entenda mais sobre a importância desse comportamento no artigo: "Relacionamento estratégico com fornecedores: como construir um sólido?"

6. Mitigação de riscos

Lembra que comentamos que os ajustes nas restrições orçamentárias, promovidos pelo gerenciamento dos gastos endereçáveis, reduzem riscos de desabastecimento? Pois esse é apenas um exemplo. Além dele, é possível também mitigar problemas financeiros e até mesmo reputacionais.

Ao tentar diminuir os custos na hora de comprar insumos e contratar serviços, os profissionais de procurement ajudam a empresa a se manter no planejamento financeiro, a não gastar mais que o previsto e, com isso, evitar assumir dívidas desnecessárias. 

Como os fornecedores são avaliados mais de perto, se houver alguma inconsistência na forma de trabalho, envolvimento em práticas ilegais, entre outras questões que podem afetar a imagem dos contratantes, é possível identificá-las rapidamente.

7. Sustentabilidade financeira

A soma de todas as vantagens que citamos até agora contribuem para o alcance da sustentabilidade financeira. Afinal, é possível reduzir gastos sem afetar a qualidade do que é adquirido, e evitar novas despesas para a empresa, decorrentes dos mais variados riscos.

Além disso, se tem a chance de identificar pontos de perdas e desperdícios, e de criar estratégias para resolver esse problema.

Como promover a otimização de Addressable Spend? 5 dicas!

Existem algumas boas práticas que você pode adotar na sua empresa para alcançar pontos positivos como esses que acabamos de citar, e para promover a otimização de Addressable Spend.

As mais relevantes são:

  1. adotar sourcing estratégico;

  2. realizar uma análise aprofundada de dados financeiros;

  3. aprimorar a gestão de estoque;

  4. treinar adequadamente o time de compras para saber identificar boas oportunidades de redução de custos;

  5. melhorar a gestão de fornecedores.

Esse último tópico é importante porque as empresas fornecedoras são um dos pilares de crescimento do seu negócio. 

Sem parceiros confiáveis, que entregam produtos e serviços de qualidade, a preços justos e que geram um bom custo-benefício, os riscos aumentam, levando ao comprometimento da saúde financeira da companhia.

Para encontrar o melhor fornecedor, é fundamental contar com a ajuda das soluções certas. E com isso a Linkana pode ajudar você!

Como a Linkana ajuda a melhorar sua gestão de fornecedores?

A Linkana é o SRM do futuro. Nosso sistema ajuda você a economizar tempo na homologação de fornecedores ao automatizar e integrar aprovações de maneira simples e rápida.

Portais e sistemas legados de fornecedores tornam as suas decisões em compras ineficientes e inseguras. 

Substitua cadastros e dados obsoletos e conheça a solução moderna de SRM que está definido o novo padrão de qualidade para softwares de procurement.

A Linkana já é utilizada pelos maiores compradores do Brasil, como Ambev, BASF, Nivea, Johnson & Johnson, Suzano, Nubank, XP e Mondelez.

Somos uma empresa Scale-up Endeavor e investida pela Y Combinator (W20), Latitud e Plug N Play. Também já fomos citados em rankings como o 100 Startups to Watch, 100 Open Startups e Top 500 Latka Fastest Growing SaaS Companies.

Por que a Linkana?

A solução de gestão de fornecedores da Linkana se destaca das demais, pois é:

  • MODERNA → utilizamos das principais tecnologias para automatizar a coleta e validação de informações coletadas de fornecedores, otimizando o onboarding e a atualização de cadastros.

  • SIMPLES → padronizamos sua homologação de fornecedores de acordo com as melhores práticas de mercado, ajudando você a economizar tempo na configuração dos seus processos de aprovações de maneira flexível e prática.

  • INTEGRADA → conectamos seu sistema legado, ERP ou e-procurement com nosso SRM, tornando nossa solução sua fonte única de dados de fornecedores, dinâmica e 100% integrada em questão de dias.

Não perca mais tempo! Homologue fornecedores em segundos, não semanas. 

Preencha agora mesmo o formulário abaixo, converse com um dos nossos fornecedores, e descubra como!

Radically optimize your supplier management

Sign up below and discover how to reduce supplier registration and approval time by up to 80%.

OTHER CONTENTS

Discover more news and trends in the procurement market