Avaliação de desempenho de fornecedores: confira 5 boas práticas

Você sabia que uma boa avaliação de desempenho de fornecedores é um grande diferencial no setor de gestão de compras? Afinal de contas, para uma empresa poder oferecer serviços e produtos de qualidade, é importante que os fornecedores estejam alinhados com a estratégia do negócio.

Ao implementar os corretos indicadores de avaliação de desempenho de fornecedores é possível evitar imprevistos, diminuir prejuízos e, claro, ter uma rede de prestadores capazes de suprir as suas demandas.

Quer saber mais sobre a avaliação de desempenho de fornecedores de serviços e quais são importantes indicadores de avaliação? Confira neste artigo!

Qual a importância da avaliação de desempenho de fornecedores?

Quando uma empresa possui um alto volume de compras ou precisa adquirir produtos apenas de fornecedores com certificação ISO 9001, a avaliação periódica é um processo essencial para tornar o processo de compra mais confiável e eficiente.

Com os resultados das avaliações que é possível definir se um novo fornecedor está apto à demanda requisitada, assim como definir se os produtores atuais estão atendendo ou não às demandas e classificá-los por níveis de qualidade.

Confira abaixo um vídeo do Conselho Regional de Administração do Estado do Rio de Janeiro sobre a avaliação de fornecedores:

Quais são os principais indicadores de avaliação de desempenho de fornecedores?

Ao realizar uma avaliação de desempenho de fornecedores de serviços ou produtos, é importante selecionar indicadores que avaliem desde o desempenho dos parceiros nos processos de compras anteriores até mesmo a saúde financeira dele.

As regras da ISO 9001 também não devem ser ignoradas durante essa análise, pois estão diretamente relacionadas aos critérios que podem ser usados pelo setor de compras da empresa para avaliação. Afinal de contas, quando eles não atendem às demandas de qualidade e custos, sua empresa é prejudicada e o cliente também, em consequência.

Para evitar essa situação, confira alguns dos indicadores de avaliação de desempenho de fornecedores que pode ser útil à sua empresa:

Desempenho operacional

O desempenho do fornecedor nunca deve ser ignorado em uma avaliação. Para que você possa realizar esse acompanhamento, os indicadores-chave de performance, ou KPIs, podem ser de grande valia.

Por meio dessa ferramenta de gestão, é possível observar a flexibilidade, pontualidade, custos e qualidade. Porém, tão importante quanto agrupar essas informações é conseguir lê-las e compreendê-las para, a partir dos dados, tomar decisões e alterar estratégias. 

Outra sugestão para esse tipo de processo de avaliação de desempenho é desmembrá-lo em cinco diferentes etapas:

  • Alinhar as metas do fornecedor e do contratante;
  • Definir os indicadores de avaliação de desempenho de fornecedores;
  • Determinar o método de coleta de informações;
  • Passar feedbacks periódicos ao fornecedor sobre seu desempenho;
  • Acompanhar mudanças nos resultados com os possíveis aprimoramentos feitos pelo fornecedor.

Saúde financeira do fornecedor

Por melhor que um fornecedor possa parecer, dificuldades de caixa podem facilmente atrapalhar seu cumprimento de entregas ou afetar a qualidade dos materiais entregues. Acidentes acontecem e problemas pontuais podem acontecer com qualquer negócio, mas uma recorrência de atrasos? Isso pode comprometer seu negócio.

A sugestão neste cenário é monitorar com certa frequência o CNPJ do fornecedor para saber se há restrições ou processos em andamento o envolvendo – um processo relativamente simples, mas que pode ajudar a sua empresa.

Performance 

Qual o histórico do fornecedor do mercado? Essa é uma das primeiras perguntas que você deve fazer ao avaliar um novo parceiro, pois é por meio dela que você poderá reunir informações de desempenho com base em dados verificáveis.

Um fornecedor que consegue provar que trabalha eficientemente com empresas do mesmo porte há anos é mais provável de conseguir atender às suas demandas.

Se você está pensando em começar uma parceria com uma empresa nova que, por exemplo, oferece um serviço inovador, é recomendado iniciar essa experiência com a devida cautela.

Duas maneiras de diminuir os riscos nesse tipo de situação é fechar um pedido menor e também aplicar um questionário com pontos que você considera relevantes.

Alguns dos tópicos que podem ser abordados nas perguntas feitas são:

Com essas respostas é possível avaliar o fornecedor e decidir se a pontuação dele o classificará como apto a realizar os serviços combinados na parceria.

Processos de gestão

De todos os indicadores de avaliação de desempenho de fornecedores, este é um dos mais importantes. Apenas um fornecedor com um processos de gestão eficiente conseguirá entregar, de forma consistente, todos os produtos solicitados dentro do prazo e com a qualidade esperada.

Neste ponto também é válido observar se os catálogos de vendas e pedidos de compra do fornecedor são padronizados e especificados – sinal que indica a organização e coerência da instituição.

Essa logística eficaz pode inclusive ajudar a sua empresa a diminuir o número de gargalos e inconsistências que impactam sua rotina de maneira negativa.

Cotação de valores

O preço de um produto ou serviço muitas vezes é o que convence uma pessoa a fechar negócio. Porém, esse pensamento nem sempre deve ser usado pela sua empresa.

Mais importante que iniciar ou seguir uma parceria baseada apenas em valores, se pergunte: estou tendo  o melhor custo-benefício com esse fornecedor?

Uma das responsabilidade do setor de compras é a redução de gastos, mas sempre visando a qualidade dos produtos e serviços contratados. Portanto, ao realizar uma avaliação de desempenho de fornecedores de serviços ou produtos, não se esqueça dessa ponderação.

Com os indicadores certos, sua empresa poderá construir uma rede de prestadores que sempre terá seus melhores interesses em mente. 

Mas sabemos que o processo de avaliação de desempenho de fornecedores pode ser muito complexo, visto que algumas empresas têm milhares de fornecedores.

Portanto, para que você possa evitar grandes problemas de fornecimento, é importante se preocupar em fazer um bom processo de homologação, que irá reduzir as chances de “surpresas” negativas durante a relação.

A Linkana automatiza todo o processo de Compliance, bem como ajuda na avaliação de fornecedores para que sua empresa tenha mais segurança e eficiência.

Leo Cavalcanti

Leo Cavalcanti

Advogado, especialista em Planejamento Tributário e Finanças, soma mais de 05 anos de experiência com rotinas de auditoria empresarial e tributária, além de conhecimento em controladoria e práticas de departamento jurídico corporativo. Atualmente é CEO e um dos co-fundadores da Linkana.